sicnot

Perfil

Mundo

Quatro detidos em Luanda suspeitos de homicídio de português

A polícia angolana confirmou hoje à Lusa a detenção, nos últimos dias, de quatro suspeitos do homicídio com violência de um cidadão português, durante o assalto à sua residência, nos arredores de Luanda, a 20 de abril.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Amr Dalsh / Reuters

Segundo fonte do comando provincial de Luanda da Polícia Nacional, as quatro detenções aconteceram "ao longo da semana", depois de seguidas algumas pistas do crime.

"De acordo com a informação que os suspeitos passam, foi roubo. A intenção era apenas o roubo, mas a vítima terá resistido, eles avançaram mais e acabaram por lhe tirar a vida", explicou a mesa fonte.

O crime terá sido perpetrado na sequência de um assalto à residência do português António Guerra, de 56 anos, no bairro dos Pescadores, em Cacuaco, Luanda.

"Foi apreendida com os suspeitos uma arma e alguns dos bens que levaram da casa do cidadão português", disse ainda a mesma fonte da polícia.

Por ter reagido ao assalto, o português, natural de Cascais e residente em Angola pelo menos desde 2012, foi morto com violência, tendo os assaltantes levado alguns equipamentos eletrónicos, como telemóveis e tablets, entre outros.

Lusa

  • Debate quinzenal no Parlamento: veja em direto e comente

    País

    As políticas de descentralização foram o tema escolhido pelo Governo para o debate quinzenal, mas a situação na Caixa Geral de Depósitos também deve marcar os trabalhos na Assembleia da República. Acompanhe aqui a discussão e participe no Minuto a Minuto SIC/Parlamento Global.

    Direto

  • Cerca de 100 mortos e dezenas de desaparecidos após sismo na Indonésia
    1:24
  • Centro Hospitalar do Algarve deverá ser extinto em 2017
    2:10

    País

    O Centro Hospitalar do Algarve deverá ser extinto no próximo ano e depois da separação dos hospitais de Faro, Portimão e Lagos. Faro deverá passar a hospital universitário. A proposta da Administração Regional de Saúde deverá ser confirmada dentro de dias pelo ministro da Saúde.

  • As camisolas de Natal da família real britânica

    Mundo

    O espírito natalício invadiu ontem o Museu Madame Tussauds, em Londres. Foram reveladas as novas figuras de cera da família real britânica - cada membro enverga uma camisola de espírito festivo, com cãezinhos "reais" e "gingerbreadmen" de gosto duvidoso.