sicnot

Perfil

Mundo

Vladimir Putin visita a China esta semana

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, efetuará, no próximo dia 25, uma visita oficial à China, durante a qual está previsto que assine uma série de acordos bilaterais, informou hoje o Kremlin.

© POOL New / Reuters

Putin e o seu homólogo chinês, Xi Jinping, analisarão "passos concretos" para desenvolver a cooperação entre ambos os países, nos âmbitos do comércio e da economia, tecnologia e ciência humanitário e investimento, refere um comunicado da presidência russa.

Os dois estadistas abordarão também assuntos chave da atualidade internacional, assim como a interação de ambos os países dentro de organizações multilaterais e regionais, como a ONU, o G20 ou o grupo BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).

O Presidente russo viajará para a China desde Taskent, a capital do Uzbequistão, onde se celebrará nos próximos dias 23 e 24 a cimeira anual da Organização para a Cooperação de Xangai (OCS).

A OCS integra a China, o Cazaquistão, o Quirguistão, a Rússia, o Tajiquistão e o Uzbequistão.

Na última cimeira, realizada na cidade russa de Ufa, foi também iniciado o procedimento para admitir a Índia e o Paquistão, países que, como o Afeganistão, Bielorrússia, Irão e Mongólia, têm estatuto de observadores.

Lusa

  • Vídeo mostra passagem da carrinha a alta velocidade nas Ramblas
    0:33

    Ataque em Barcelona

    O jornal espanhol El Pais divulgou hoje  as primeiras imagens da carrinha que matou 13 pessoas e feriu mais de 100 em Barcelona. O vídeo foi registado por  uma câmara de videovigilância de um museu nas Ramblas. Mostra pessoas a desviarem antes da passagem rápida da carrinha branca. Esta terá sido a parte final do percurso feito pelo veículo.

  • Castelo Branco aposta na cultura para preservar raízes e fomentar turismo
    5:26

    SIC 25 Anos

    Com perto de 200 mil habitantes, o distrito de Castelo Branco luta para criar projetos diferenciadores para atrair e ancorar a população. O desemprego tem vindo a baixar, numa região fortemente envelhecida. A capital do distrito aposta na cultura para preservar as raízes e fomentar o turismo, e a Universidade da Beira Interior tem cada vez mais alunos estrangeiros.