sicnot

Perfil

Mundo

Branqueamento da Grande Barreira de Coral pode custar um milhão de turistas à Austrália

O branqueamento da Grande Barreira de Coral na Austrália pode fazer o país perder mais de um milhão de visitantes e elevadas somas em receitas turísticas, indica um estudo hoje divulgado.

© David Gray / Reuters

O coral, classificado como património mundial, tem tido um processo sem precedentes de branqueamento que já levou a que um quarto dos corais tenha morrido.

"O turismo nas áreas de recife está em risco de perder mais de um milhão de visitantes por ano", indica o relatório do 'think-tank' independente Instituto Australiano.

O instituto estimou ainda a perda de cerca de 747 milhões de dólares em receitas, caso os turistas decidam não viajar para a região.

Cerca de dez mil empregos no estado de Queensland ficam em risco, caso se verifique uma queda no turismo, a maior indústria da zona.

"A continuação do branqueamento pode não só afetar o estatuto do recife como principal destino internacional de turismo, mas também ter um impacto na identidade da Austrália, como destino internacional de turismo", diz o relatório.

No ano passado, cerca de 3,5 milhões de turistas, a maioria australianos, visitaram as zonas junto ao recife.

O instituto entrevistou milhares de australianos e turistas dos principais mercados - China, Estados Unidos e Reino Unido.

Mais de um terço dos australianos disseram ser mais provável viajarem para outras zonas do país se o branqueamento continuar.

No que toca aos turistas estrangeiros inquiridos, mais de metade dos chineses e cerca de um terço dos norte-americanos e britânicos disseram ser mais provável visitarem outro país, caso a deterioração dos corais continue.

Lusa

  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser "derrotada como todos os outros"

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • António Guterres, "o governante mais amado desde sempre em democracia"
    2:27

    País

    António Guterres foi distinguido com o grau de honoris causa pela Universidade de Lisboa. A cerimónia decorreu esta manhã e contou com a presença do Presidente da República e do primeiro-ministro. Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou que Guterres foi o governante mais amado da democracia portuguesa.