sicnot

Perfil

Mundo

NATO e Rússia reúnem-se a 13 de julho em Bruxelas

A NATO e a Rússia vão reunir-se a 13 de julho em Bruxelas, quatro dias depois da cimeira que deverá aprovar o reforço da defesa coletiva face à Rússia, anunciou hoje o secretário-geral da organização.

© Reuters Photographer / Reuter

"Decidimos, com a Rússia, fazer uma reunião do Conselho NATO-Rússia a 13 de julho na sede da NATO, em Bruxelas, pouco depois da Cimeira de Varsóvia" de sexta-feira e sábado, anunciou Jens Stoltenberg num comunicado.

O Conselho NATO-Rússia é constituído pelos embaixadores dos 28 países membros da Aliança Atlântica e da Rússia e reunia-se regularmente até à crise no leste da Ucrânia, que provocou uma forte degradação das relações entre a Aliança Atlântica e Moscovo.

Em abril deste ano, o Conselho NATO-Rússia reuniu-se pela primeira vez desde março de 2014, mas as conversações terminaram com "divergências profundas" sobre a Ucrânia e outras questões.

A Alemanha liderou os apelos para que uma nova reunião se realizasse antes da Cimeira de Varsóvia, mas fontes diplomáticas da NATO citadas pela AFP afirmaram que a Rússia se mostrou reticente, preferindo aparentemente avaliar o resultado da cimeira antes de novas conversações.

Stoltenberg afirmou no comunicado de hoje que o Conselho NATO-Rússia "tem um papel importante enquanto fórum de diálogo e de troca de informações, para reduzir tensões e aumentar a previsibilidade".

"As nossas discussões vão centrar-se na crise dentro e à volta da Ucrânia e na necessidade de aplicar plenamente os acordos de Minsk" para um cessar-fogo no leste ucraniano.

A NATO suspendeu a cooperação com a Rússia após a anexação por Moscovo da península ucraniana da Crimeia, em março de 2014, mas manteve canais de comunicação abertos.

Na Cimeira de Varsóvia, os países membros da NATO vão aprovar o maior reforço militar da Aliança desde o fim da Guerra Fria, motivado em grande parte pela intervenção da Rússia na Ucrânia.

Lusa

  • Sporting de Braga afastado da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting de Braga derrotou esta quinta-feira o Marselha, em Braga, por 1-0, na segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa. Um triunfo insuficiente para o apuramento, depois do desaire da equipa minhota em França (3-0).

  • Sporting nos oitavos de final da Liga Europa

    Liga Europa

    O Sporting garantiu esta quinta-feira o apuramento para os oitavos de final da Liga Europa, ao empatar frente ao Astana, em Alvalade, a três golos, na segunda mão dos 16 avos de final, depois de ter triunfado no Cazaquistão por 3-1. Veja ou reveja todos os golos do encontro.

  • Os 36 golos dos 16 avos da Liga Europa

    Liga Europa

    A jornada europeia ficou marcada, no panorama das equipas portuguesas, pelo apuramento do Sporting e pela eliminação do Sporting de Braga. Os leões passam assim a ser o único clube luso em prova na Liga Europa. Nos oitavos de final, o emblema de Alvalade pode encontrar adversários como o Arsenal, o Atlético de Madrid ou o AC Milan. O sorteio realiza-se esta sexta-feira, ao meio-dia. Aqui, veja ou reveja todos os golos da segunda mão dos 16 avos de final da Liga Europa.

  • "O dia a dia na Síria também é lutar por um pão"
    10:13

    Mundo

    Desde domingo que os bombardeamentos do regime sírio a Ghouta já fizeram mais de 400 mortos. Ghouta é o último reduto rebelde nos arredores da capital da síria, onde as forças fiéis a Bashar Al Assad iniciaram no domingo uma intervenção militar de larga escala. Cândida Pinto, editora de Internacional da SIC, e a psicóloga Maria Palha, que já esteve na Síria ao serviço dos Médicos Sem Fronteiras, estiveram na Edição da Noite da SIC Notícias para falar sobre o assunto.

  • O estranho caso do mergulhador Alejandro Ramos

    Mundo

    O mergulhador Alejandro Ramos tornou-se num caso de investigação do Centro Médico Naval do Peru, depois do seu corpo ter começado a inchar sem qualquer explicação aparente. Isto aconteceu há quatro anos, minutos depois de ter emergido da água, onde tinha estado a trabalhar durante muitas horas.

    SIC

  • Jane Seymour posa para a Playboy aos 67 anos

    Cultura

    Esta é a terceira vez que a atriz inglesa de 67 anos participa numa sessão fotográfica para a revista Playboy. Jane Seymour aproveitou a oportunidade para se juntar ao movimento #MeToo e falar sobre as agressões sexuais que sofreu às mãos de um produtor, em 1972.

  • Não dá mais, Brasil!
    18:00
  • Proposta de um cessar-fogo na Síria sem acordo

    Mundo

    O embaixador da Rússia junto das Nações Unidas afirmou esta quinta-feira que os 15 membros do Conselho de Segurança não alcançaram um acordo para aprovar um cessar-fogo de 30 dias na Síria, proposta negociada há mais de duas semanas.