sicnot

Perfil

Mundo

Dois ataques dos curdos do PKK matam seis pessoas na Turquia

Militantes da organização Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) mataram hoje cinco soldados turcos e um 'guarda de aldeia' em dois ataques separados, segundo o Exército e a imprensa local.

© Goran Tomasevic / Reuters

Um soldado turco foi morto juntamente com o 'guarda de aldeia' (habitantes locais que cooperam com as forças de segurança turcas) no carro armadilhado na província oriental de Van.

Neste ataque, pelo menos 15 pessoas ficaram feridas, incluindo 10 soldados e cinco guardas de aldeia.

Noutro ataque, hoje à tarde, quatro soldados foram mortos e um outro soldado ficou ferido na explosão de uma bomba na província de Hakkari, segundo uma agência de notícias local que cita as Forças Armadas.

O PKK é uma organização curda que desde 1984 tem lutado contra o Estado turco, em defesa de um Curdistão autónomo.

Lusa

  • Documentos envolvem presidente de IPSS em práticas ilegais
    5:45
  • Novo horário aos sábados na Autoeuropa avança em fevereiro
    1:32

    Economia

    As negociações na Autoeuropa sobre o novo horário aos sábados estão terminadas. Ao que a SIC apurou, não há mais questões a debater, porque a fábrica perguntou diretamente aos trabalhadores que modelo de turnos preferiam. O horário avança no primeiro fim de semana de fevereiro.

  • A casa dos horrores
    7:57