sicnot

Perfil

Mundo

Exército anuncia que tomou o poder na Turquia

O Exército turco afirmou, em comunicado de imprensa, que tomou o poder em todo o país. "O Exército assumiu totalmente o poder para restaurar a democracia. Todos os nossos acordos internacionais estão em vigor. Esperamos manter as boas relações com todos os países", refere, no comunicado, o Estado-Maior do Exército.

© Stringer . / Reuters

A agência Anadolu noticia que o chefe de Estado-Maior, general Hulusi Akar, foi feito refém por um grupo de soldados.

A televisão turca dá conta de tanques militares destacados na zona exterior do aeroporto Ataturk, em Istambul.

As forças de segurança turcas encerraram as duas pontes sobre o estreito do Bósforo, em Istambul, e foram ouvidos jatos militares voando baixo sobre Ancara, tendo o primeiro-ministro admitido que esteja em curso um golpe militar.

Na capital do país a imprensa fala também de movimentos militares, sem que se conheçam para já os motivos. Fontes ouvidas pela Agência Efe contaram que ouviram tiros junto do quartel do Estado-maior.

Lusa

  • Jatos militares sobrevoam Ancara e duas pontes estão fechadas
    1:42

    Mundo

    José Pedro Tavares relata as movimentações militares que estão a acontecer em Ancara, na Turquia. O correspondente da SIC explica ter ouvido jatos militares a sobrevoarem a capital. Até ao momento não existe qualquer informação oficial de que se trate de um golpe de Estado mas duas pontes da cidade estão fechadas e os militares recomendam que a população não saia de casa.

  • "Não são boas notícias para o Estado turco"
    5:20

    Mundo

    As forças de segurança turcas encerraram as duas pontes sobre o estreito do rio Bósforo, em Istambul. Há relatos da presença de militares nas ruas e fala-se numa tentativa de golpe de Estado. O comentador da SIC Nuno Rogeiro diz que há já várias semanas que existiam rumores que alguns setores das forças armadas estavam descontentes com a política seguida pelo estado turco. Nuno Rogeiro avança que o aeroporto de Istambul se encontra encontra encerrado e diz que estes movimentos não representam boas notícias para o Estado turco.

  • Tentativa de golpe de Estado na Turquia

    Mundo

    Forças de segurança turcas encerraram as duas pontes sobre o estreito do Bósforo, em Istambul, e foram ouvidos jatos militares voando baixo sobre Ancara, tendo o primeiro-ministro admitido que esteja em curso um golpe militar.

  • Paulo Macedo pede calma para o bem do banco
    1:45

    Caso CGD

    Paulo Macedo falou pela primeira vez desde que foi eleito o novo Presidente da Caixa Geral de Depósitos e, para o bem do banco público, pediu calma a todos. Passos Coelho veio dizer que a recapitalização da Caixa pode ter de ser feita no verão do próximo ano para salvaguardar o défice deste ano. Já António Costa preferiu não comentar as declarações de Passos e diz que o banco público há muito que precisava de ser recapitalizado.

  • Condutores continuam com dúvidas em como circular numa rotunda
    2:06

    País

    Circular nas rotundas continua a ser um problema para muitos condutores. Cerca de 3 mil foram multados nos últimos três anos depois da entrada em vigor do novo código, os números são avançados pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária. Os instrutores de condução dizem que a medida provoca mais confusão nas horas de ponta.

  • O que aconteceu à menina síria que relatava a guerra no Twitter?
    1:59
  • Youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Reportagem da SIC "Renegados"
    1:27

    Grande Reportagem SIC

    O youtuber Miguel Paraiso escreveu uma paródia musical para a Grande Reportagem SIC "Renegados". Desde ontem já teve 67 mil visualizações no Facebook. Imagine que ia renovar o cartão de cidadão e diziam-lhe que afinal não é português? Mesmo tendo nascido, crescido, estudado e trabalhado sempre em Portugal? Foi o que aconteceu a inúmeras pessoas que nasceram depois de 1981, quando a lei da nacionalidade foi alterada.«Renegados» é como se sentem estes filhos de uma pátria que os excluiu. Para ver, esta quarta-feira, no Jornal da Noite da SIC.

  • "A nossa guerra não deixou heróis, só vilões e vítimas"
    5:26

    Mundo

    Luaty Beirão é o rosto mais visível de um movimento de contestação ao regime angolano que começou em 2011, ano da Primavera árabe. Mas a par dos 15+2, mediatizados num processo que os condenou por lerem um livro, outros activistas arriscam diariamente a liberdade.