sicnot

Perfil

Mundo

Polícia brasileira monitoriza 100 suspeitos de ligações terroristas

Polícia brasileira monitoriza 100 suspeitos de ligações terroristas

Foram detidas, no Brasil, dez pessoas suspeitas de estar a preparar um ataque terrorista mas as detenções no Brasil podem não ficar por aqui. Uma fonte da polícia federal fez saber que há uma centena de pessoas monitorizadas por suspeitas de ligações ao terrorismo.

  • Brasil reforça segurança no Rio de Janeiro
    0:40

    Rio 2016

    Depois destas detenções houve um reforço de segurança no Rio de Janeiro e principalmente nos aeroportos brasileiros. A repórter da SIC no Brasil, Ivani Flora, lembra que esse aparato policial foi montado devido aos Jogos Olímpicos que começam daqui a duas semanas.

  • Detidos no Brasil prestaram juramento ao Daesh
    1:41

    Daesh

    A duas semanas dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, a polícia brasileira deteve 10 pessoas suspeitas de estarem a planear um ataque terrorista. Cada uma delas estava num estado brasileiro diferente e trocavam mensagens através das redes sociais. A polícia descobriu um plano para um atentado. O grupo tinha prestado juramento à causa do Daesh. Neste momento as autoridades vigiam 100 alegados simpatizantes de terroristas.

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Costa confiante no crescimento da economia e das exportações
    1:09

    Economia

    O primeiro-ministro manifestou confiança no crescimento da economia e das exportações. À margem da cerimónia dos 25 anos da Auto Europa em Portugal, António Costa deu vários exemplos de investimento estrangeiro, feito nas últimas semanas no país, e disse que os dados económicos recentes são positivos.

  • Turista italiano assassinado em favela do Rio de Janeiro
    1:01

    Mundo

    Um turista italiano de 52 anos foi assassinado numa favela do Rio de Janeiro, no Brasil, enquanto viajava com um amigo. Após várias horas com o gangue autor do crime, o amigo que se encontrava com a vítima acabou por ser libertado.

  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47