sicnot

Perfil

Mundo

Barack Obama transmite o seu apoio à Alemanha

Barack Obama transmitiu apoio à Alemanha no seguimento do tiroteio que ocorreu em Munique, causando pelo menos seis mortos, enquanto fonte oficial dizia que as autoridades já estão a trabalhar para perceber se há cidadãos norte-americanos envolvidos.

O presidente dos EUA, que falava durante um encontro com autoridades norte-americanas, referiu ter sido informado acerca da situação ocorrida na Alemanha.

"Os nossos corações estão com aqueles que possam ter sido feridos. É ainda uma situação a decorrer e a Alemanha é uma das nossas aliadas mais próximas, por isso, vamos dar todo o apoio que possa necessitar para enfrentar estas circunstâncias", disse Barack Obama.

A porta-voz do departamento de Estado, Elizabeth Trudeau, disse que as autoridades norte-americanas estão a trabalhar com as congéneres alemãs para determinar se estão envolvidos alguns cidadãos dos EUA nesta situação.

A polícia de Munique colocou em "alerta terrorista elevado" a cidade alemã, na sequência do tiroteio num centro comercial que terá vitimado seis pessoas, abatidas por três homens armados que se encontram em fuga.

A gare de Munique foi evacuada e os serviços de metro, autocarro e trens foram suspensos por ordem da polícia.

Lusa

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02