sicnot

Perfil

Mundo

Hezbollah condena atentado de Cabul e critica silêncio internacional

​O grupo libanês Hezbollah condenou o ataque contra uma manifestação em Cabul, capital do Afeganistão, que causou no sábado 80 mortos e mais de 230 feridos, criticando o silêncio árabe e internacional perante o massacre reivindicado pelo Estado Islâmico.

"Condenamos de forma enérgica a matança atroz cometida pelos terrorista do 'Daesh' [acrónimo em árabe de Estado Islâmico] em Cabul, que causou a morte de dezenas de pessoas inocentes e feriu centenas de outras, e expressamos a nossa solidariedade com os afegãos", afirmou o grupo xiita em comunicado.

No sábado, o auto-proclamado Estado Islâmico reivindicou o ataque que teve como objetivo uma manifestação pacífica da minoria étnica hazara, que professa o islamismo xiita, tal como o Hezbollah.

"Trata-se da continuação dos atos diabólicos dirigidos contra todos sem discriminação e cujo objetivo é a vingança, derramar sangue inocente, manchar a imagem do islão, desarticular a 'umma' [comunidade muçulmana] e servir de ferramenta aos interesses dos terroristas", salientou o Hezbollah.

O grupo criticou ainda o silêncio árabe e internacional e instou os organismos regionais e mundiais, bem como os clérigos muçulmanos "livres" a condenar o ocorrido e a "acabar com a política que justifica os crimes que cometem os terroristas".

No decorrer de uma manifestação pacífica, em Cabul, essencialmente composta por xiitas hazaros, dois bombistas fizeram rebentar os explosivos que traziam à volta da cintura, no meio da multidão.

Este foi o maior ataque reivindicado pelo Estado Islâmico na capital do Afeganistão.

Lusa

  • Quase 200 queixas por dia sobre serviços de saúde em 2017
    1:46

    País

    Foram apresentadas, em 2017, quase 200 queixas por dia sobre o funcionamento dos serviços de saúde públicos e privados. As questões administrativas e os tempos de espera foram as principais razões das mais de 70 mil reclamações recebidas pela Entidade Reguladora da Saúde.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • 45 anos de Partido Socialista
    3:31

    País

    O PS completou 45 anos esta quinta-feira. Acaso ou não, a festa aconteceu um dia depois de terem ficado concluídos dois acordos com o PSD que fazem renascer o debate sobre o posicionamento ideológico do partido socialista.

  • Trump convida Putin a visitar EUA

    Mundo

    O Presidente dos EUA, Donald Trump convidou o homólogo russo a visitar a Casa Branca e Vladimir Putin ter-se-á mostrado disponível a visitar o país em breve, segundo a agência de notícia russa RIA Novosti que cita o chefe da diplomacia de Moscovo.

  • Senado aprova à tangente novo diretor da NASA

    Mundo

    O Senado norte-americano aprovou na quinta-feira, à tangente, a nomeação do novo diretor da agência espacial norte-americana, com 50 votos favoráveis contra 49, colocando à frente da NASA um cético das alterações climáticas, adiantou a Efe.

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
    Mudar de Vida

    Mudar de Vida

    5ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    No "Mudar de Vida" desta quinta-feira damos a conhecer mais um caso de quem teve coragem de arriscar e procurar um novo futuro. Susana Moraes é uma economista que decidiu seguir a paixão pela dança. 

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16