sicnot

Perfil

Mundo

Várias vítimas numa explosão próxima de escola iraniana em Damasco

Reuters

Várias pessoas morreram ou ficaram feridas devido a uma explosão durante a noite nas próximidades de uma escola iraniana no centro de Damasco, segundo ativistas e meios de comunicação oficiais sírios.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos apontou que um automóvel-bomba explodiu nos arredores de uma escola iraniana no bairro de Kafr Susa, na capital.

Por seu turno, a agência de notícias estatal Sana, assinalou que houve uma "explosão terrorista" causada por um veículo carregado com explosivos na zona de Kafr Susa, sem, no entanto, adiantar mais detalhes.

O Observatório adiantou que nas últimas horas eclodiram combates entre efetivos governamentais e combatentes de grupos armados opositores nas imediações do campo de refugiados palestinianos de Al Yarmuk, a cinco quilómetros do centro de Damasco.

A Síria é desde há cinco anos cenário de conflitos que já provocaram mais de 280.000 mortos, de acordo com dados do Observatório.

  • Costa de Metro de Odivelas para Lisboa para relembrar corrida entre burro e Ferrari
    2:55

    Autárquicas 2017

    António Costa começou hoje o dia de campanha em Odivelas, para uma viagem de Metro até Lisboa, em que recordou a célebre corrida entre um burro e um Ferrari que protagonizou em 1993 quando foi canditado do PS à Câmara de Loures. Foi nesta cidade, onde ontem à noite, que desferiu um violento ataque a Pedro Passos Coelho, acusando-o de transformar o PSD num partido que não é digno de um Estado democrático.

  • O aeroporto de Beja, um "elefante branco" na planície alentejana
    4:33
  • Paciente há 15 anos em estado vegetativo consegue seguir objetos e mexer a cabeça

    Mundo

    Um homem de 35 anos, que ficou em estado vegetativo após um acidente de viação há 15 anos, deu sinais de consciência depois de lhe ter sido aplicada uma nova técnica de estimulação nervosa. Cirurgiões implantaram no paciente um pequeno aparelho que estimula o nervo vago, responsável pela ligação nervosa entre o cérebro e o resto do corpo. A intervenção aconteceu em França e a descoberta foi publicada na revista científica Current Biology.