sicnot

Perfil

Mundo

EUA impõem sanções a alegado terrorista dos atentados de Bruxelas e Paris

Os Estados Unidos impôs sanções financeiras a um alegado terrorista com ligações aos atentados ao aeroporto de Bruxelas em março e aos ataques de 2015 em Paris, e bloqueou os ativos de um grupo talibã acusado de violências.

O Departamento de Estado informou em comunicado sobre as sanções contra Mohamed Abrini e contra a cisão talibã Jaamat-ul-Ahrar (JuA), a quem se atribui o assassinato de pelo menos 73 pessoas na cidade paquistanesa de Lahore em março.

A medida implica o bloqueio dos ativos que podem possuir sob jurisdição norte-americana e a proibição dos cidadãos deste país em efetuarem transações com os visados.

Abrini é um suposto membro do comando terrorista que promoveu o atentado no aeroporto de Bruxelas em março, com um balanço de 31 mortos, e ainda dos atentados de 13 de novembro de 2015 em Paris, que provocaram 130 mortos.

Conhecido como o "homem do chapéu" por usar esse acessório quando foi detetado pelas câmaras de segurança no dia dos atentados no aeroporto de Bruxelas, Abrini está detido pelas autoridades belgas.

O Jaamat-ul-Ahrar (JuA) é uma cisão do Tehrik-e-Taliban Pakistan (TTP), o principal grupo talibã paquistanês, e atua na região fronteiriça entre o Afeganistão e o Paquistão desde a sua formação em 2014, promovendo "múltiplos ataques na região, atacando civis, minorias religiosas, militares e forças de segurança", segundo o Departamento de Estado.

Lusa

  • Célula responsável pelos atentados de Bruxelas preparava novo atentado em Paris
    1:19

    Atentados em Bruxelas

    Na Bélgica após as detenções de dois suspeitos de terrorismo, as autoridades confirmam que a célula responsável pelo atentado de Março em Bruxelas estava a preparar um novo atentado em Paris. Autoridades dizem que detenções de principais membros de célula terrorista terão precipitado ataques na Bélgica. A Bélgica mantém o segundo nível mais elevado de alerta terrorista devido a eventuais retaliações.

  • Suspeitos dos atentados de Bruxelas tinha planeado atacar novamente Paris
    1:46

    Mundo

    A célula terrorista responsável pelos atentados em Bruxelas tinha planeado atacar novamente Paris mas foi surpreendida pela rapidez na investigação policial e pelas detenções de alguns dos principais membros o que terá precipitado os ataques na Bélgica. Com a detenção do homem do chapéu e a acusação de outras três pessoas ontem estão detidos ou mortos os principais suspeitos desta onda terrorista.

  • Procurador belga confirma detenção de suspeito de ataques em Paris
    1:54

    Mundo

    O procurador de Bruxelas confirmou que um dos detidos na operação antiterrorista de ontem é Mohamed Abrini, suspeito dos ataques de Paris e que é provavelmente o famoso homem do chapéu dos atentados de Bruxelas.O momento da detenção de Mohamed Abrini foi filmado e testemunhado por moradores da rua onde decorreu a operação. Quem presenciou o momento em que o terrorista foi apanhado diz que este andava calmamente no passeio quando a polícia se atravessou no caminho.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura ao Governo

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC

  • A cadela que desistiu da CIA para ir "perseguir esquilos e coelhos"

    Mundo

    Nem todos os cães têm aptidão para combater o crime. Este é o caso de Lulu, uma cadela que estava a treinar para ser agente da CIA, mas que acabou por entrar na reforma ainda durante os treinos. Através do Twitter, a agência norte-americana anunciou na semana passada que Lulu já não iria treinar mais e que tinha sido adotada pelo agente que a treinava.

    SIC

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC