sicnot

Perfil

Mundo

Tempestade Earl mata pelo menos 38 pessoas no México

A tempestade tropical Earl provocou deslizamentos de terra que causaram pelo menos 38 mortos no México, segundo um novo balanço das autoridades mexicanas divulgado este domingo.

Um total de 28 pessoas morreram no centro do estado de Puebla, dos quais 15 eram menores de idade, devido a deslizamentos de terra que enterraram várias casas, disse o governo daquele estado, citado pela agência de notícias France Presse (AFP).

Mais 10 pessoas morreram em circunstâncias semelhantes no estado de Veracruz.

Um primeiro balanço dava conta da morte de uma pessoa em Puebla e de seis em Veracruz.

Os danos da tempestade 'Earl' fazem-se sentir, ao mesmo tempo que uma nova tempestade ameaça a costa do Pacífico do país.

A tempestade Javier, que se aproxima do México, deverá trazer chuva e vento fortes para o sudoeste do país nos próximos dias, segundo centros de meteorologia dos Estados Unidos.

O Centro Nacional de Furacões, com sede em Miami (Estados Unidos), adianta que a tempestade 'Javier' está a cerca de 80 quilómetros sudoeste de Manzanillo, no México.

Lusa

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • População afetada pelo fogo tenta repor o que as chamas destruíram
    1:54
  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.