sicnot

Perfil

Mundo

Rússia ataca posições de jihadistas na Síria a partir do Mediterrâneo

A Rússia anunciou esta sexta-feira ter lançado ataques contra jihadistas na Síria, a partir de navios de guerra destacados no Mediterrâneo, depois de ter começado a utilizar, esta semana, um aeródromo no Irão para fazer decolar os seus bombardeiros.

"Os navios lança-mísseis Zeleny Dol e Serpoukhov da frota russa do mar Negro fizeram hoje três lançamentos de mísseis de cruzeiro contra alvos do grupo terrorista da Frente Fateh al-Cham (ex-Frente al-Nosra que renunciou à ligação à Al-Qaida) na Síria, indicou o Ministério da Defesa russo em comunicado.

"Um posto de comando e uma base de terroristas em Daret Ezaa (a oeste de Alepo), bem como uma unidade de fabrico e um importante depósito de munições na região de Alepo foram destruídos na sequência dos ataques", especifica a mesma nota.

O anúncio chega depois de a Rússia, que leva a cabo raides aéreos desde setembro último em apoio às forças do Presidente sírio Bashar al-Assad, bombardeou na terça-feira, pela primeira vez, alvos na Síria fazendo decolar os seus bombardeiros a partir do aeródromo militar de Hamedan, no noroeste do Irão.

Alepo, cidade-chave do conflito sírio, é atualmente palco de combates entre as forças de Damasco e rebeldes.

Desencadeado em março de 2011 pela repressão de manifestações pró-democracia, o conflito sírio tornou-se mais complexo com a intervenção de partes estrangeiras e a ascensão dos jihadistas e já causou mais de 290.000 mortos, tendo obrigado milhões de pessoas a abandonarem as suas casas.

Lusa

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • Sol e calor ficam para o Natal
    1:50

    País

    Com o Natal à porta, o sol teima em ficar um pouco por todo o país. Até a norte as temperaturas estão altas para esta época do ano com o distrito do Porto a rondar os 18 graus.

  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10