sicnot

Perfil

Mundo

Rei de Marrocos apela a uma "frente comum contra o fanatismo" do Daesh

O rei de Marrocos, Mohamed VI, apelou no sábado a "uma frente comum contra o fanatismo" dos jihadistas, exortando os marroquinos na diáspora a serem os "defensores" de um islão tolerante.

"Face à proliferação dos obscurantismos em nome da religião, todos, muçulmanos, cristãos e judeus, devem formar uma frente comum para combater o fanatismo, o ódio e o isolacionismo em todas as formas", defendeu Mohamed VI.

O soberano, que falava num discurso à nação, "convidou" os cinco milhões de marroquinos que vivem na Europa e resto do mundo a "permanecerem ligados aos valores da sua religião e às suas tradições seculares, face a este fenómeno que lhes é estranho".

"Condenamos veementemente a morte de inocentes" e a morte de um "padre numa igreja é um ato imperdoável", sublinhou o rei, em referência ao homicídio a 26 de julho no noroeste da França, quando o sacerdote foi degolado por dois 'jihadistas'.

A Europa, e em particular a França, foi palco de uma vaga de atentados em 2015. Cidadãos europeus de origem marroquina ou com dupla nacionalidade foram implicados em vários ataques perpetrados em território francês e belga.

Lusa

  • Desmantelada célula do Daesh em Marrocos

    Daesh

    As autoridades marroquinas anunciaram esta terça-feira a detenção de quatro presumíveis membros do Daesh, suspeitos de planear atentados contra "locais vitais" em Casablanca, a capital económica de Marrocos.

  • CGTP espera milhares na 1ª manifestação nacional do ano
    1:49

    País

    A CGTP-IN conta ter "dezenas de milhares de trabalhadores" de todo o país e setores de atividade na primeira manifestação nacional do ano, marcada para esta tarde, em Lisboa, em defesa da valorização do trabalho e dos trabalhadores.Estão previstas centenas de autocarros e quatro comboios especiais, um de Braga e três do Porto, para transportar os manifestantes para a capital.De Coimbra saíram 13 autocarros, com cerca de 700 trabalhadores, de setores diferentes para exigir ao governo reposição de direitos perdidos.

  • A semana em revista

    Mundo

    Com a semana a chegar ao fim, a SIC Notícias apresenta-lhe, num único artigo, os destaques que marcaram a atualidade nos últimos dias. Um espaço onde pode ficar a saber, ou simplesmente recordar, os temas que marcaram a semana noticiosa.

    André de Jesus

  • Registadas mais de 500 queimadas em 12 horas

    País

    A Proteção Civil registou esta sexta-feira, no distrito de Viana do Castelo, entre as 06:00 e as 18:00, 515 queimadas, mais cerca de uma centena das contabilizadas na quinta-feira, sendo que três terão dado origem a incêndios florestais.