sicnot

Perfil

Mundo

"Gatos assassinos de pássaros devem ser mortos ou mantidos em casa"

ALIK KEPLICZ / AP

Um académico norte-americano faz uma sugestão que promete trazer polémica: matar todos os gatos vadios e manter dentro de casa todos os que são domésticos. Isto porque os felinos são verdadeiros assassinos de aves e de pequenos mamíferos, desiquilibrando a biodiversidade.

As teorias controversas de Peter Marra, diretor do centro sobre aves migratórias do Museu Smithsonian em Washington estão explicadas no livro "Cat Wars/Guerra de Gatos", em que defende a tese do "efeito devastador" que os gatos têm na vida selvagem.

"Do ponto de vista da conservação da natureza, a solução desejável parece óbvia - eliminar todos os gatos vadios, fazendo com que sejam adoptados ou - se tal não for possível - praticar eutanásia".

Peter Marra baseia as suas recomendações numa série de estudos que afirma provarem a responsabilidade dos gatos numa carnificina de aves e pequenos mamíferos.

No Reino Unido, 8,1 milhões de gatos são responsáveis pela morte de 55 milhões de pássaros todos os anos. Nos EUA, os gatos matam entre 3 a 4 milhões de pássaros anualmente.

"Há mais de 100 anos que os gatos têm tido um efeito devastador na biodiversidade. Temos mesmo de tratar dos gatos vadios. As pessoas que têm gatos devem controlá-los, os que não têm dono devem ser eliminados", defende Peter Marra.

Segundo o académico, os gatos são responsáveis pela extinção de 63 espécies de aves, mamíferos e répteis. "Eles fazem aquilo que lhes é natural. São predadores", sublinhou em declarações à Radio 4 britânica.

  • "Aqui há gato" abre as portas em Lisboa
    1:46

    País

    Se gosta de conviver num café e gosta da companhia de gatos, há um espaço para si em Lisboa. O "Aqui Há Gato" foi inaugurado na Calçada da Estrela e é um espaço "3 em 1" que pretende promover o convívio e a leitura, num espaço diferente com café e muitos gatos. Entrar na zona onde estão os gatos custa três euros e tem direito a uma bebida.

  • Fogo na baixa do Porto provoca quatro feridos, dois em estado grave
    1:38

    New Articles

    Um incêndio em três habitações na baixa do Porto, que deflagrou esta noite, provocou quatro feridos, dois em estado grave. O fogo que foi extinto pelos Bombeiros Sapadores do Porto causou cinco desalojados, dos quais quatro foram acolhidos por familiares e um realojado pela junta de freguesia. Desconhece-se a origem das chamas que destruíram três casas.

  • O primeiro dia de Donald Trump na Casa Branca
    3:05
  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.