sicnot

Perfil

Mundo

Estados Unidos enviam outro bombardeiro para a Coreia do Sul em aviso ao Norte

Reuters

Os Estados Unidos enviaram hoje outro bombardeiro para a Coreia do Sul, como aviso à Coreia do Norte, aumentando a tensão devido ao novo teste nuclear e contínuos desenvolvimentos de armamento do regime de Kim Jong-un.

O bombardeiro supersónico B-1B Lancer aterrou na base norte-americana de Osan em Pyeongtaek, a 70 quilómetros de Seul, procedente da base de Guam, no Pacífico, informaram as Forças dos Estados Unidos na Coreia do Sul (USFK), em comunicado.

Inicialmente foram dois os bombardeiros que partiram para Guam em direção à Coreia do Sul, mas um teve de regressar, revelou à Efe uma porta-voz das USFK em Seul, sem especificar o motivo.

Os Estados Unidos já enviaram na semana passada para Osan dois B-1B Lancer, que realizaram um voo de teste sobre a Coreia do Sul como sinal de advertência à Coreia do Norte, quatro dias depois do quinto teste nuclear, no dia 09.

A chegada do novo bombardeiro "é apenas um recurso da ampla gama de opções que temos" para responder ao "comportamento agressivo" da Coreia do Norte, indicou o tenente general Thomas W. Bergeson da Força Aérea dos Estados Unidos.

"A península coreana enfrenta uma grave crise de segurança devido à quinta prova nuclear da Coreia do Norte e ao seu contínuo lançamento de mísseis balísticos e SLBM (mísseis lançados a partir de um submarino)", afirmou por seu lado o tenente general Lee Wang-keun, comandante de operações da Força Aérea sul-coreana.

Os Estados Unidos mantêm, desde a Guerra da Coreia (1950-53), uma aliança militar com a Coreia do Sul, em que se comprometem a defender o seu aliado num hipotético conflito com o Norte. O quinto teste nuclear norte-coreano gerou uma forte condenação entre a comunidade internacional e é possível que o Conselho de Segurança da ONU imponha novas sanções ao regime de Kim Jong-un.

  • Vem lá chuva

    País

    A chuva vai voltar a Portugal continental a partir de quarta-feira e pelo menos até domingo, enquanto as temperaturas mínimas deverão subir.

  • "O Sporting é o um barco à deriva"
    2:26
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    A crise do Sporting foi o principal tema em O Dia Seguinte, esta segunda-feira. José Guilherme Aguiar censura Bruno de Carvalho por ter convidado Jorge Jesus para a comissão de honra da recandidatura. Já Rogério Alves não tem dúvidas que a contestação tem aumentado de tom devido à proximidade das eleições do Sporting. Rui Gomes da Silva pensa que toda a direção leonina é responsável pelo mau momento atual do clube.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Violação emitida em direto no Facebook

    Mundo

    Três homens foram detidos na Suécia, por suspeitas de violação de uma mulher, num apartamento a 70 quilómetros da capital. Os suspeitos filmaram o ato de violência e exibiram-no em direto no Facebook.

  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.