sicnot

Perfil

Mundo

Agentes armados nos metros e comboios de França a partir de sábado

© Pascal Rossignol / Reuters

Agentes armados, à paisana, passam a poder circular nos comboios e metropolitanos de França a partir de sábado, uma medida que se insere no reforço da segurança face à ameaça de atentados.

A autorização oficial foi publicada hoje, mas a medida faz parte de um pacote legislativo sobre segurança nos transportes aprovado pela Assembleia Nacional em março.

O texto prevê "a extensão da dispensa do uso de farda" e a "possibilidade de porte de arma com dispensa do uso de farda" para os agentes dos serviços de segurança dos caminhos-de-ferro franceses, SNCF, e dos transportes de Paris, RATP.

Os agentes em causa têm de ter tido formação específica e fazer parte dos serviços de segurança da SNCF ou RATP há pelo menos cinco anos.

Em agosto de 2015, passageiros de um comboio de alta velocidade Thalys, que fazia a ligação Amesterdão-Paris, conseguiram manietar um homem armado que pretendia perpetrar um ataque.

Três meses depois, França sofreu os piores ataques terroristas, com ataques coordenados em Paris que fizeram 238 mortos.

Já este ano, em março, a Bélgica foi palco de ataques terroristas perpetrados no sistema de transportes da capital, com 32 mortos e 340 feridos em atentados perpetrados no aeroporto e no metropolitano.

Lusa

  • Mais de 50 milhões de italianos decidem futuro do país
    1:43

    Mundo

    Este domingo, está nas mãos de mais de 50 milhões de eleitores italianos o futuro do país. Mais do que um voto à reforma constitucional, o referendo terá consequências políticas diretas no Governo italiano. As urnas fecham às 23h00, 22h00 em Lisboa. Os primeiros resultados são esperados meia hora depois.