sicnot

Perfil

Mundo

Jornalista holandês morto na Líbia

Um jornalista holandês foi este domingo morto na Líbia onde fazia a cobertura dos combates entre as forças governamentais e o Daesh em Sirte, informou fonte médica.

"Um jornalista holandês foi morto hoje, atingido no peito por um ´sniper´ do EI enquanto cobria combates em Sirte", disse Akram Gliwan, porta-voz do hospital central em Misrata, onde são atendidos os feridos das forças pró-governamentais.

Citado pela agência de notícias francesa, o responsável disse que o corpo está no hospital de Misrata, cidade a cerca de 200 quilómetros a oeste de Sirte.

A vítima, o fotógrafo Jeroen Oerlemans, estava a trabalhar na Líbia para uma série de organizações, incluindo a revista semanal belga Knack, que confirmou a morte.

Oerlemans, de Amesterdão, já tinha sido sequestrado no norte da Síria, por jihadistas, em 2012.

Lusa

  • Taxa de desemprego abaixo dos 10%

    Economia

    A taxa de desemprego em fevereiro ficou afinal nos 9,9%. O Instituto Nacional de Estatística reviu o indicador em baixa de 0,1 pontos percentuais, esta sexta-feira. É o valor mais baixo desde fevereiro de 2009.

  • Incêndio dominado em Gondomar
    4:25

    País

    Está dominado o incêndio que esta manhã obrigou à evacuação da Escola Secundária de São Pedro da Cova, no concelho de Gondomar. A repórter Susana Bastos esteve no local.

  • "Tanolas" tem cadastro criminal e já foi condenado a pena suspensa
    0:55