sicnot

Perfil

Mundo

UKIP abre inquérito a agressão entre dois dos seus eurodeputados

O eurocético Partido da Independência do Reino Unido (UKIP) anunciou hoje a abertura de um inquérito ao incidente de quinta-feira entre dois dos eurodeputados do partido que levou à hospitalização de um deles, Steven Woolfe.

"Confirmo que pedi ao presidente e ao secretário do partido que conduzam um inquérito a partir do início da próxima semana para descobrir a verdade", anunciou Nigel Farage, que assume interinamente a liderança do partido desde a demissão de Diane James.

O incidente ocorreu na quinta-feira no Parlamento Europeu, em Estrasburgo, quando Woolfe caiu inconsciente, horas depois de uma altercação numa reunião de eurodeputados do UKIP.

Numa entrevista ao tabloide Daily Mail, Woolfe, 49 anos, afirmou que durante a reunião, que caracterizou como tensa, o também eurodeputado Mike Hookem, 62 anos, o agrediu fisicamente.

A tensão decorreu de Woolfe confirmar a intenção de se candidatar à liderança do partido eurocético, depois de admitir que tentou integrar as fileiras do partido conservador da primeira-ministra Theresa May, sem sucesso.

"Eu não queria andar ao murro. Disse-lhe [a Hookem] que devíamos resolver [a situação] fora da sala, porque a reunião começava a aquecer e toda a gente estava irritada, e o Mike interpretou totalmente mal o que isso significava", disse Woolfe.

"Deu-me um murro", acrescentou, afirmando que bateu com a cabeça no chão ao cair.

Mike Hookem nega esta versão, afirmando que não bateu em Woolfe e não o viu bater com a cabeça. Um amigo de Hookem disse ao jornal que a altercação entre os dois foi apenas verbal.

O presidente do Parlamento Europeu (PE), Martin Schulz, remeteu hoje o caso para o Comité Consultivo sobre a Conduta dos Deputados, considerando tratar-se de "factos extremamente graves" que o Comité deve "analisar com urgência na próxima semana".

Lusa

  • Eurodeputado britânico hospitalizado após discussão com colega

    Mundo

    O europedutado britânico Steven Woolfe do UKIP, o partido da independência do Reino Unido, foi esta manhã hospitalizado, depois de alegadamente ter sido agredido por um colega durante uma reunião no Parlamento Europeu. Um porta-voz do partido informou que o eurodeputado está "consicente e a recuperar bem".

  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.