sicnot

Perfil

Mundo

Irão pede abertura de corredor aéreo para ajudar vítimas de ataque no Iémen

O Irão pediu este domingo a abertura de "um corredor aéreo seguro para levar ajuda humanitária de urgência" às vítimas do bombardeamento aéreo no Iémen que, no sábado, matou mais de 140 pessoas que estavam numa cerimónia fúnebre.

O bombardeamento atingiu um espaço público na capital Sanaa, controlada pelos rebeldes 'huthis' e aliados, e onde se tinham juntado centenas de pessoas para o funeral do pai do ministro do Interior, Jalal al-Rouichène, indicou a Sabanews.net.

O porta-voz do Ministério iraniano dos Negócios Estrangeiros, Bahram Qasemí, disse que o "Irão está disposto a enviar ajuda humanitária, incluindo pessoal médico, comida e medicamentos para as vítimas".

A mesma fonte disse que o país está, também, disponível para transportar os feridos para serem tratados nos hospitais iranianos.

Momentos depois do ataque, os rebeldes 'huthis' acusaram a coligação militar árabe que intervém no Iémen sob comando da Arábia Saudita, que posteriormente negou qualquer envolvimento nos 'raides' aéreos, referindo que, no passado, "evitou semelhantes ajuntamentos, que nunca foram o alvo" das suas operações militares.

No entanto, a coligação dirigida pelos sauditas e que intervém no Iémen desde março de 2015 em apoio às forças do presidente Abdrabuh Mansur Hadi, tem sido acusada por organizações de defesa dos direitos humanos de sistemáticos ataques a alvos civis no decurso da sua campanha aérea.

Segundo a ONU, mais de 6.700 pessoas, na maioria civis, já foram mortas no Iémen desde o início da intervenção da coligação dirigida pelos sauditas.

Lusa

  • Mais de 140 mortos em bombardeamento no Iémen
    0:50

    Mundo

    Um ataque aéreo na capital do Iémen provocou mais de 140 mortos e mais de 500 feridos. A ofensiva decorreu durante o funeral de um familiar do Ministro do Interior do país, onde diversas personalidades locais e militares participavam nas cerimónias funebres.

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • "O FC Porto não merece ser campeão"
    2:23
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    O empate do FC Porto com o Feirense foi o principal assunto do Play-Off da SIC Notícias, este domingo. Rodolfo Reis mostrou-se insatisfeito com a atitude dos jogadores do FC Porto.

  • Incêndio em Alfragide deixa 12 pessoas desalojadas
    1:59

    País

    Um incêndio destruiu este domingo a cobertura de um prédio de habitação em Alfragide, no concelho da Amadora. Doze pessoas ficaram desalojadas, mas ninguém ficou ferido. Os bombeiros dominaram o fogo em cerca de uma hora, os moradores queixam-se da falta de eficácia no combate às chamas.

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa