sicnot

Perfil

Mundo

Samsung suspende produção de smartphone que explode

© Kim Hong-Ji / Reuters

A sul-coreana Samsung Electronics decidiu suspender o modelo de telefone Galaxy Note 7 depois de alguns exemplares terem explodido. Segundo relatos dos utilizadores, a bateria de alguns smartphones explodiu enquanto os dispositivos estavam a carregar.

O primeiro fabricante mundial de smartphones foi obrigado a retirar este modelo do mercado a 2 de setembro e a pedir a devolução de 2,5 milhões de exemplares espalhados pelo mundo. Agora decidiu suspender mesmo a produção em fábrica depois de incidentes com os substitutos.

A 9 de outubro, a companhia de telecomunicações norte-americana AT&T e a alemã T-Mobile anunciaram que deixavam de proceder à troca dos devolvidos Galaxy Note 7 pelos novos. A empresa norte-americana - terceira cliente mundial do fabricante sul-coreano - decidiu fornecer aos proprietários deste Samsung modelos diferentes. A T-Mobile - quarto maior cliente - não porá mais à venda o Galaxy Note 7.

A Samsung confirmou o registo de 35 casos em que houve explosão dos telemóveis durante o carregamento, devido a problemas na bateria.

  • Incêndio em Lisboa faz um ferido
    4:13

    País

    Um incêndio de grandes dimensões deflagrou esta segunda-feira numa loja, na Avenida de Berlim, em Lisboa. O repórter André Palma esteve no local, onde ouviu o comandante dos Sapadores Bombeiros de Lisboa. Pedro Patricio confirmou que foi assistida uma pessoa por inalação de fumos e, por questões de segurança, os veículos estacionados perto do local foram retirados, assim como foi pedido às pessoas dos prédios à volta que saíssem por causa do fumo. O incêndio foi dominado.

  • "Rui Rio avisou que vinha para partir loiça dentro do PSD"
    3:00
  • Hugo Soares não deverá continuar como líder parlamentar do PSD
    3:17

    País

    Rui Rio não deverá manter Hugo Soares na liderança parlamentar do PSD. Fonte próxima do novo presidente social-democrata diz à SIC que dificilmente o líder da bancada poderá continuar no cargo. Aumenta a pressão para que Hugo Soares ponha o lugar à disposição e já começam a surgir nomes para o substituir.

  • Suspeita de militantes fantasma no PSD
    4:22

    País

    Perante a suspeita de militantes fantasma e de caciquismo, Salvador Malheiro, diretor de campanha de Rui Rio, diz que o ato eleitoral foi devidamente fiscalizado. Uma investigação do jornal Expresso encontrou oito filiados numa morada que não existe e 17 militantes com morada numa casa onde vivem nove pessoas e nenhuma é do PSD. A associação cívica Transparência e Integridade fala num vazio legal e em falta de regulamentação.

  • Cristiano Ronaldo está insatisfeito com o salário e pode sair do Real Madrid
    2:38