sicnot

Perfil

Mundo

Libertadas 21 raparigas do grupo raptado pelo Boko Haram em 2014

© Afolabi Sotunde / Reuters

Um grupo de 21 raparigas raptadas pelo Boko Haram em 2014 foi hoje libertado, anunciou uma fonte oficial do Governo da Nigéria. O grupo radical islâmico raptou mais de 270 raparigas alunas de uma escola na cidade de Chibok. O rapto tem sido alvo de condenação internacional.

A campanha pela libertação das jovens raptadas pelo Boko Haram teve um alcance global, com a ajuda das redes sociais e do hashtag #BringBackOurGirls (Tragam as nossas raparigas de volta).

As jovens foram "trocadas por quatro prisioneiros do Boko Haram esta manhã", na região de Banki, na fronteira com os Camarões, confirmou uma fonte local à agência France Presse.

A fonte que anunciou hoje a libertação de 21 raparigas do grupo raptado pelo Boko Haram quis manter o anonimato e o Governo nigeriano não divulgou ainda qualquer comunicado com esta informação.

No total, o Boko Haram raptou 276 estudantes de uma escola em Chibok na noite de 14 de abril de 2014, tendo 57 conseguido fugir pouco tempo depois.

Segundo os jihadistas, dezenas das raparigas raptadas já morreram em consequência de bombardeamentos governamentais.

Boko Haram divulga vídeo com raparigas raptadas em 2014

(Agosto de 2016)

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.