sicnot

Perfil

Mundo

Manifestação em Tunes contra regresso de jihadistas à Tunísia

Centenas de pessoas manifestaram-se hoje junto ao parlamento de Tunes para protestar contra o regresso de jihadistas tunisinos que abandonam a Síria, o Iraque e a Líbia, noticiou a agência Efe.

Os manifestantes exibiam bandeiras nacionais e cartazes com frases contra o terrorismo.

O ministro do Interior, Hedi Majdoud, que anunciou na sexta-feira o regresso de 800 jihadistas de cenários de conflito, afirmou que o seu ministério dispõe de todos os dados necessários sobre os que estão envolvidos no terreno.

Depois de os atentados de Nice e de Berlim terem sido perpetrados por indivíduos de nacionalidade tunisina, tem havido um amplo debate sobre a necessidade de aplicar a lei antiterrorista.

Na sexta-feira chegou a Tunes, depois de ter sido extraditado, o jihadista'Moez Fazzani, alegadamente envolvido em atentados terroristas, como o ataque ao Museu do Bardo, que provocou a morte de dezenas de turistas no ano passado.

Fazzani foi entregue pelas autoridades sudanesas, de acordo com um porta-voz judicial.

Lusa

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19