sicnot

Perfil

Mundo

Governo brasileiro revê número de mortos em prisão de Roraima para 31

© Ueslei Marcelino / Reuters

O Governo brasileiro informou que o número de mortos num motim que aconteceu na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo (Pamc), no estado de Roraima, foi revisto e baixou de 33 para 31 vítimas.

No início da manhã, a Secretaria de Segurança Pública de Roraima divulgou uma nota informando que 33 presos tinham sido encontrados mortos, mas no final da tarde baixou para 31 o número de vítimas. Deste total, 20 corpos já foram reconhecidos.

Em menos de uma semana 93 mortes foram registadas dentro dos estabelecimentos prisionais da região norte e nordeste do Brasil.

Destes, 60 presos foram assassinados em duas cadeias do Amazonas, 31 em Roraima e outros 2 no Estado nordestino da Paraíba.

Os motins e chacinas evidenciam a crise do sistema penitenciário da nação sul-americana, cujas prisões estão sobrelotadas com milhares de pessoas a viverem em condições sub-humanas.

No motim mais violento, que aconteceu no Complexo Penitenciário Anísio Jobin (Impaj) na última segunda-feira, em Manaus, capital do Amazonas, 56 presos foram mortos de uma só vez, sendo que pelo menos 30 deles decapitados por outros prisioneiros.

Lusa

  • Mação volta a enfrentar dias de pânico
    3:33
  • Fogo obrigou à evacuação de 6 aldeias do concelho do Sardoal
    1:56

    País

    O incêndio que chegou ao Sardoal obrigou à evacuação de seis aldeias. As pessoas foram encaminhadas para as instalações da Santa Casa da Misericórdia e vão regressando ao longo do dia de hoje. A A23 foi reaberta de madrugada, depois de ter estado várias horas cortada nos dois sentidos .

  • Ministra admite que a maioria dos incêndios começaram por mão humana
    1:57

    País

    A Ministra da Administração Interna admitiu esta quarta-feira que a maioria dos incêndios deste ano começaram por mão humana, mas Constança Urbano de Sousa entende que é cedo para tirar outras conclusões. Já o vice-presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Adelino Gomes, diz que não há duvidas e fala em terrorismo organizado. 

  • Sismo na região de Lisboa sentido num raio de 150km
    3:19