sicnot

Perfil

Mundo

Homem ingere 9.600 dólares para os introduzir ilegalmente na Colômbia

© Jo Yong hak / Reuters

As autoridades colombianas detiveram um homem que pretendia entrar no país com 9.600 dólares (9.100 euros) que tinha previamente ingerido e outros 48.900 dólares (46.405 euros) escondidos na bagagem, informou esta sexta-feira a Polícia nacional.

O homem de 49 anos, com dupla nacionalidade colombiana e norte-americana e cujo nome não foi divulgado, chegou ao aeroporto de Rionegro, departamento de Antioquia (noroeste da Colômbia) proveniente de Fort Lauderdale (Estados Unidos) na posse dos 58.500 dólares (55.515 euros) que foram detetados, segundo um comunicado da polícia.

Desse valor total, 48.900 dólares estavam ocultados num amplificador de som da guitarra. De imediato, acrescenta o comunicado, o homem foi enviado para a sala de raios x, onde se verificou que possuía "objetos estranhos no seu aparelho digestivo".

"O homem revelou ter ingerido 15 invólucros com dinheiro e foi enviado para um centro de assistência por apresentar dores abdominais. Devido aos sucos gástricos os invólucros de látex foram destruídos e as notas ficaram soltas no aparelho digestivo causando perigo para a sua vida", precisa o texto.

Lusa

  • PS acusa PSD e CDS de falta de agenda política
    1:01

    Caso CGD

    O PS considera o anúncio desta nova comissão parlamentar de inquérito à Caixa Geral de Depósitos um ataque doentio de PSD e CDS ao ministro das Finanças, que visa apenas desviar as atenções dos bons resultados da economia portuguesa. O deputado socialista João Paulo Correia diz que falta agenda política aos partidos de direita.

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • Mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que as lésbicas

    Mundo

    As mulheres heterossexuais têm menos orgasmos que as lésbicas ou bissexuais, ou mesmo que todos os homens hetero, homo ou bissexuais. O estudo que dá conta desta realidade revela também o que fazer para aumentar as hipóteses de uma mulher alcançar um orgasmo.