sicnot

Perfil

Mundo

Ativistas denunciam violações da trégua em Alepo

© Omar Sanadiki / Reuters

Bombardeamentos e disparos de artilharia atingiram nas últimas horas zonas controladas pelos rebeldes na província síria de Alepo, enquanto vários 'rockets' atingiram um bairro controlado pelas autoridades na capital com o mesmo nome, informaram hoje ativistas.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos destacou que aviões de guerra não identificados atacaram na passada madrugada áreas e localidades no oeste, sul e norte da província, como Al Malah, Al Mansura, Al Atareb, Jan al Asal e Al Rashidín, entre outras.

Os bombardeamentos foram acompanhados de disparos de artilharia das forças governamentais, que também tiveram como alvo a população de Andan, no norte da província.

As áreas atacadas são controladas por grupos rebeldes e islâmicos e não se registaram vítimas.

Ao mesmo tempo, várias pessoas ficaram feridas com o lançamento de sete 'rockets' contra o bairro de Nova Alepo, na capital provincial, que é controlada pelo exército.

Na mesma região, aviões das forças armadas sírias realizaram cerca de 20 bombardeamentos no sul da cidade de Al Bab e nos arredores da localidade de Deir Hafer, ambos controlados pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Desde o passado dia 30 de dezembro está vigente na Síria uma trégua acordada pela Rússia, aliada do Governo de Damasco, e pela Turquia, que apoia a oposição, da qual estão excluídos o Estado Islâmico e a Frente de Conquista do Levante (ex-filial da Al Qaida).

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.