sicnot

Perfil

Mundo

Reino Unido rejeita assinar solução para o Médio Oriente

O Reino Unido, que manifestou reservas quanto à cimeira de Paris sobre o Médio Oriente, recusou-se este domingo a assinar o comunicado final, que defende uma solução negociada de dois estados para o conflito israelo-palestiniano.

A recusa foi anunciada pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros britânico, numa nota de imprensa.

Na nota, a diplomacia britânica justifica as "reserva particulares" sobre a cimeira, hoje realizada na capital francesa, com a ausência de Israel e Palestina.

"Uma cimeira contra a vontade de Israel", vincou o Reino Unido, que participou no encontro com o estatuto de observador.

No comunicado final, os participantes da cimeira, em representação de mais de 70 países, exortaram palestinianos e israelitas a "demonstrarem o seu compromisso para uma solução a dois estados [Palestina e Israel] e a se absterem de ações unilaterais que prejudiquem o resultado da negociação, nomeadamente sobre as fronteiras, Jerusalém e os refugiados".

  • Hollande alerta Trump para riscos de mover embaixada para Jerusalém
    0:44

    Mundo

    François Hollande alertou este domingo Donald Trump que a única solução para o conflito israelo-palestiniano passa por dois Estados. Na conferência de Paris, sobre o Médio Oriente, o Presidente francês defendeu ainda que os planos para mover a embaixada norte-americana para Jerusalém podem pôr em risco o processo de paz.

  • Presidente palestiniano encontra-se com o papa Francisco
    2:06

    Mundo

    O Presidente palestiniano, Mahmoud Abbas, encontrou-se este sábado com o Papa Francisco. A reunião aconteceu no dia da abertura da embaixada palestiniana em Roma e antes da cimeira de paz que decorre este fim de semana em Paris.É já a quarta vez que o Papa Francisco se encontra com Mahmoud Abbas. Nesta reunião debateram a situação no Médio Oriente e as dificuldades dos cristãos nos territórios palestinianos como explicou o Presidente palestiniano aos jornalistas.

  • Incêndio em fábrica de congelados em Viseu continua ativo
    0:29

    País

    O incêndio que deflagrou esta manhã numa fábrica de produtos congelados em Viseu continua ativo no pavilhão principal. De acordo com o segundo comandante dos Bombeiros Municipais de Viseu, trata-se de um trabalho "demorado e difícil porque a estrutura está abalada". Contudo, os bombeiros conseguiram que o fogo não se propagasse a outros edifícios.

  • Nova fábrica de medicamentos inaugurada na Amadora
    1:36

    País

    Uma nova fábrica de produção de fármacos foi inaugurada esta terça-feira, na Amadora. O espaço dedica-se em exclusivo à produção de um medicamento inovador, para o tratamento do excesso de potássio no sangue.