sicnot

Perfil

Mundo

McDonalds ao lado do Vaticano ofereceu comida aos sem abrigo

© Tony Gentile / Reuters

Depois da controversa abertura de um restaurante McDonalds mesmo ao lado da Praça de S. Pedro, no mês passado, a cadeia norte-americana quis hoje seguir um dos princípios do Papa, o de alimentar os pobres.

Dezenas de refeições foram doadas esta segunda-feira, iniciativa que a McDonalds vai repetir nos próximos seis meses.

O projeto nasceu em parceria com a organização de caridade Medicina Solidale, que pediu à cadeia norte-americana para limitar a controvérsia fazendo o bem pela comunidade.

Alguns cardeais mostraram desagrado quando o Vaticano alugou o espaço na rua adjacente Borgo Pio, dizendo que seria muito melhor aproveitado se fosse utilizado para ajudar os sem-abrigo e os mais necessitados.

Foram servidas 50 refeições esta segunda-feira e, de acordo com um porta-voz da organização de caridade, esperam poder servir 100 refeições a cada semana durante os próximos seis meses, com a esperança de tornar o projeto permanente.

© Tony Gentile / Reuters

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um empresário português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • "Não era o jogo ideal para estreia do videoárbitro"
    4:50
  • Tubarão com 2,7 metros salta para dentro de barco e ataca pescador

    Mundo

    Um australiano foi atacado por um tubarão branco quando estava a pescar na sua embarcação, em Evan Heads, Nova Gales do Sul, na costa Este da Austrália. O animal, com cerca de 200 quilos e 2,7 metros de comprimento, saltou para dentro do barco, derrubou o pescador e mordeu-lhe no braço.

    SIC

  • Uma em cada dez crianças já foi vítima de cyberbullying
    10:41
  • "Sou Presidente de uma pátria com os melhores bombeiros do mundo"
    1:20

    País

    O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, avisou este domingo o Governo de que os bombeiros admitem usar o machado da paz para fazer a guerra. Marcelo Rebelo de Sousa destacou o orgulho que sente em ser "Presidente de uma pátria que tem os melhores bombeiros do mundo".