sicnot

Perfil

Mundo

Mais de 80 jihadistas mortos em bombardeamentos dos EUA na Líbia

Arquivo

Manu Brabo

Os Estados Unidos da América atacaram dois campos de treino do Daesh na Líbia, esta quarta-feira à noite, matando mais de 80 jihadistas do Daesh. O secretário norte-americano da Defesa acredita que vários destes combatentes estavam a programar ataques na Europa.

"Precisamos de atacar o Daesh onde quer que eles apareçam. E nós sabemos que alguns dos jihadistas estavam envolvidos em planos de ataque", Ash Cartersaid afirmou.

Os bombardeamentos foram feitos durante a madrugada, sendo primeiramente autorizados pelo ainda Presidente dos EUA, Barack Obama.

O objetivo da operação foi eliminar combatentes do Daesh que fugiram para Sirte, bastião dos jihadistas na Líbia desde junho de 2015, e retomado pelo exército líbio, com o apoio dos EUA, no outono.

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • Estarão os portugueses a consumir vitamina D em excesso? 
    6:44
  • Investigadores criam nanovacina contra diferentes cancros

    Mundo

    Investigadores da Universidade do Texas, nos Estados Unidos, desenvolveram uma nanovacina (vacina administrada através de partículas microscópicas) contra diferentes cancros, como o da pele, do cólon e do reto, numa experiência com ratos, revela um estudo publicado esta segunda-feira.