sicnot

Perfil

Mundo

Mais de 260 mil pessoas receberam o RSI em dezembro

© Leonhard Foeger / Reuters

Mais de 260 mil pessoas receberam o Rendimento Social de Inserção em dezembro, segundo dados da Segurança Social, tendo aumentado não só os beneficiários, mas também as famílias que recebem esta prestação social.

De acordo com os dados mais recentes do Instituto da Segurança Social (ISS), atualizados a 01 de janeiro de 2017, em dezembro do ano passado havia 216.061 beneficiários do RSI, mais 2.322 (1,08%) do que no mês de novembro e mais 7.893 (3,79%) do que em dezembro de 2015.

Em termos de distribuição geográfica, o distrito do Porto continua a ser o que tem mais beneficiários do RSI, 62.466, logo seguido de Lisboa (36.581) e de Setúbal (18.640).

Já no que diz respeito às famílias, no mês de dezembro houve 96.906 beneficiárias, mais 681 do que no mês anterior e mais 2.225 do que no período homólogo. Também aqui a distribuição geográfica faz-se da mesma forma, com uma prevalência entre os distritos do Porto (28.628), Lisboa (16.541) e Setúbal (8.390).

O valor médio mensal teve pouca oscilação entre os meses de novembro e dezembro, no que diz respeito aos beneficiários, estando nos 111,07 depois de ter estado nos 111,32 euros. O mesmo aconteceu com o valor médio que as famílias receberam que passou de 252,70 euros em novembro para 252,21 euros em dezembro.

Lusa

  • Autoridades garantem ter evitado novo ataque terrorista em Londres
    0:59

    Mundo

    A polícia britânica garante que evitou um novo atentado em Londres. Mulher baleada faz parte das oito pessoas que foram detidas numa operação antiterrorista na capital britânica e no sul de Inglaterra. A operação realizou-se após a detenção de um homem com três facas, nas imediações do Parlamento britânico.

  • Polícia espanhola divulga imagens de operação anti-jihadista

    Mundo

    A polícia espanhola divulgou esta sexta-feira novas imagens da operação anti-jihadista levada a cabo na terça-feira em Barcelona. Sabe-se agora que dois dos nove suspeitos detidos podem estar relacionados com a célula terrorista de Bruxelas, responsável pelos ataques no Aeroporto de Zaventem e no metro da capital belga.