sicnot

Perfil

Mundo

Cantor britânico ficou 14 anos sem lavar o cabelo

O músico britânico e antigo elemento da boys-band Take That, Gary Barlow, revelou no Twitter que tinha lavado o cabelo pela primeira vez em 14 anos. Uma publicação que gerou polémica e lançou um novo tópico de discussão: haverá ou não benefícios para o cabelo ao não o lavar?

Na conta que tem na rede social Twitter, Gary Barlow falou num "dia muito importante", em que lavou o cabelo "pela primeira vez em 14 anos!".

Gary Barlow durante um concerto em 2014

Gary Barlow durante um concerto em 2014

© POOL New / Reuters

2005, dois anos depois do músico ter deixado de lavar o cabelo.

2005, dois anos depois do músico ter deixado de lavar o cabelo.

© STR New / Reuters

2010

2010

© Phil Noble / Reuters

CONTRA O USO DE SHAMPÔ

A primeira história em defesa desta teoria chega de Inglaterra e foi contada à BBC por Patrick Graham, que deixou de usar shampô há 25 anos, quando ouviu que o cabelo se poderia manter limpo e saudável por si mesmo.

O homem, de 60 anos, explica que "tinha problemas com a caspa" e não se conseguia "livrar dela". "Assim que parei, o meu cabelo ficou pior durante cerca de duas semanas, mas pouco depois comecei a sentir-me limpo e já não tenho caspa há 25 anos. O meu cabelo não cheira mal, está limpo.", conta.

Uma outra história de abandono dos shampôs é contada pela blogger britânica Kayleigh Thomas, que deixou de o usar em março de 2015, depois de ver na rede social Snapchat a história de uma mulher que já não o fazia há dois anos.

"O meu cabelo está agora mais maleável e não sinto que o tenha de alisar ou encaracolar com recurso a placas, o que me poupa bastante tempo de manhã", conta a jovem de 28 anos, de Milton Keynes.

(Instagram)

(Instagram)

Outras figuras públicas também já admitiram ter deixado de usar quaisquer produtos para o cabelo. São os casos do jornalista escocês Andrew Marr e do político Matthew Parris.

© POOL New / Reuters

(Facebook)

(Facebook)

EM DEFESA DO USO DO SHAMPÔ

O outro lado da moeda é dado por Mark Coray, antigo presidente da Federação Britânica de Cabeleireiros e proprietário de um salão em Cardiff, que defende que não há quaisquer benefícios em não lavar o cabelo.

(Facebook)

(Facebook)

"O shampô não é abrasivo nem danifica o couro cabeludo. Os ingredientes ajudam o cabelo a tornar-se mais lustroso. Pode haver mais presença de óleo no cabelo, o que o torna mais brilhante e mais fácil de dominar, mas não se vai manter limpo por si mesmo", explica Coray.

Diferentes teorias para diferentes práticas, numa discussão que promete continuar a gerar controvérsia entre os defensores de ambos os lados.

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Grupo de brasileiros em assalto milionário no Paraguai
    1:24