sicnot

Perfil

Mundo

Congressistas pedem a Trump que retire decreto sobre imigrantes

Mais de 100 congressistas democratas da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos instaram esta quinta-feira ao Presidente, Donald Trump, para retirar "imediatamente" o decreto que suspende temporariamente a entrada no país de refugiados e cidadãos de sete países.

Os congressistas fizeram a petição numa carta dirigida ao secretário da Segurança Nacional, John Kelly.

"Esperemos que peça ao Presidente para retirar imediatamente a sua ordem executiva, que criou um profundo caos e medo entre os refugiados e imigrantes que foram admitidos nos Estados Unidos, assim como nas suas famílias", afirmam os congressistas na carta.

Na carta, os congressistas salientam que os Estados Unidos são um país de imigrantes e refúgio de pessoas perseguidas de todo o mundo."Esta ação é contrária ao que somos como nação", acrescentam.

Os congressistas pedem também informações "urgentes" de todos os detalhes da ordem executiva de Donald Trump, porque dela depende a "vida e o bem-estar de muitas pessoas e alianças com governos estrangeiros para combater o terrorismo".

A ordem de Donald Trump suspende durante 120 dias o programa de acolhimento de refugiados dos Estados Unidos e para durante 90 dias a emissão de vistos a cidadãos de sete países, nomeadamente Líbia, Sudão, Somália, Síria, Iraque, Irão e Iémen.

Lusa

  • Vidas de fogo
    12:04

    Reportagem Especial

    Este ano durante o período mais crítico dos fogos, estão no terreno quase dez mil operacionais, a maioria bombeiros voluntários. A Reportagem Especial da SIC deste domingo "Vidas de fogo" dá a conhecer histórias de bombeiros que sobreviveram às chamas enquanto serviam o país.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.