sicnot

Perfil

Mundo

Turquia detém mais de 750 pessoas suspeitas de ligações ao Daesh

© Murad Sezer / Reuters

As forças de segurança turcas detiveram mais de 750 pessoas suspeitas de ligações ao grupo extremista Daesh na maior operação contra as atividades da organização na Turquia, de acordo com a agência turca de notícias, Anadolu.

Cerca de 450 suspeitos foram detidos na primeira fase da operação levada a cabo no domingo em todo o país, mas o número de pessoas presas subiu para as 763, ainda segundo a Anadolu, citada pela agência France-Presse.

A operação - que decorreu em 29 das 81 províncias turcas, onde foram apreendidos documentos, armas e munições - acontece cerca de um mês depois do atentado numa discoteca em Istambul em que 39 pessoas, na maioria estrangeiras, foram mortas por um elemento do Daesh na noite de passagem de ano.

O Daesh reclamou a autoria do ataque.

Apesar de o grupo ser acusado de vários atentados à bomba em 2016, esta foi a primeira vez que assumiu essa responsabilidade num massacre com esta dimensão.

A polícia turca executou numerosas operações contra o Daesh nos últimos anos, mas nunca nada semelhante à escala do raide contra suspeitos, levado a cabo em todo o país no passado domingo.

A Anadolu cita uma fonte da polícia segundo a qual o Daesh se preparava para uma lançar uma "ação sensacional", eventualmente contra meios de comunicação social turcos, para efeitos de propaganda.

Lusa

  • Atropelamento em Copacabana fere 15 e mata bebé de 18 meses
    1:13

    Mundo

    Pelo menos uma pessoa morreu e 15 ficaram feridas num atropelamento na praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, no Brasil. O condutor, um homem de 41 anos, diz ter perdido o controlo do carro, invadiu a calçada, percorreu 15 metros e só parou no areal de uma das zonas mais turísticas do Brasil. A polícia militar confirmou, entretanto, em comunicado que não há qualquer indício de que se tenha tratado de um ataque terrorista e avançou que o condutor sofreu um ataque de epilepsia.

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45
  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38