sicnot

Perfil

Mundo

Turquia detém mais de 750 pessoas suspeitas de ligações ao Daesh

© Murad Sezer / Reuters

As forças de segurança turcas detiveram mais de 750 pessoas suspeitas de ligações ao grupo extremista Daesh na maior operação contra as atividades da organização na Turquia, de acordo com a agência turca de notícias, Anadolu.

Cerca de 450 suspeitos foram detidos na primeira fase da operação levada a cabo no domingo em todo o país, mas o número de pessoas presas subiu para as 763, ainda segundo a Anadolu, citada pela agência France-Presse.

A operação - que decorreu em 29 das 81 províncias turcas, onde foram apreendidos documentos, armas e munições - acontece cerca de um mês depois do atentado numa discoteca em Istambul em que 39 pessoas, na maioria estrangeiras, foram mortas por um elemento do Daesh na noite de passagem de ano.

O Daesh reclamou a autoria do ataque.

Apesar de o grupo ser acusado de vários atentados à bomba em 2016, esta foi a primeira vez que assumiu essa responsabilidade num massacre com esta dimensão.

A polícia turca executou numerosas operações contra o Daesh nos últimos anos, mas nunca nada semelhante à escala do raide contra suspeitos, levado a cabo em todo o país no passado domingo.

A Anadolu cita uma fonte da polícia segundo a qual o Daesh se preparava para uma lançar uma "ação sensacional", eventualmente contra meios de comunicação social turcos, para efeitos de propaganda.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41