sicnot

Perfil

Mundo

Mais de metade do tráfego na internet não tem origem em pessoas

© Pawel Kopczynski / Reuters

De acordo com um novo estudo, os responsáveis pela maior parte do tráfego na internet não são humanos, mas sim bots - software automatizado que serve para completar e simplificar tarefas que os humanos também consigam fazer. Melhorar resultados das pesquisas ou até publicar nas redes sociais são apenas alguns dos exemplos. Mas também há os maus.

O estudo, citado pela publicação The Next Web e feito pela empresa de segurança Imperva Incapsula, revelou que apenas 48.2% do tráfego na internet é humano.

Lazaro Gamio / Axios

Depois de analisarem mais de 100 mil domínios e 16 mil milhões de visitas, a conclusão a que chegaram foi a de que os bots ultrapassam os humanos.

A má notícia é que os bots "maus" superam os "bons". Enquanto certos bots são criados para monitorizar e melhorar a internet, os maus exemplos também existem. Como por exemplo software que permite roubar informações, espalhar spam ou entupir um site com tráfego.

De acordo com este estudo, quase 30% do tráfego da internet é proveniente de bots "maus". "A estatística mais alarmante deste estudo (...) é que nos últimos cinco anos, a cada três visitantes de um website, um era um bot 'mau'", explicou Igal Zeifman, o diretor de marketing da Imperva.

Ainda que a maioria do tráfego da internet hoje já seja composta por bots, só em 2016 mais de 15 startups criaram projetos de financiamento, um pequeno vislumbre do que pode ser a realidade futura da internet.

  • Traço contínuo às curvas
    2:42
  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • Jovens impedidas de embarcar de leggings

    Mundo

    A moda das calças-elásticas-super-justas volta a fazer estragos. Desta vez nos EUA onde duas adolescentes foram impedidas de embarcar num voo da United Airlines devido à indumentária, que não cumpria com as regras dos tripulantes ou acompanhantes da companhia aérea norte-americana.

    Manuela Vicêncio

  • Cristas calcula défice de 3,7% sem "cortes cegos" das cativações
    0:45

    Economia

    Assunção Cristas diz que o défice de 2,1% só foi conseguido porque o Governo fez cortes cegos na despesa pública. Esta manhã, depois de visitar uma unidade de cuidados continuados em Sintra, a presidente do CDS-PP afirmou que, pelas contas do partido, sem cativações, o défice estaria nos 3,7%.

  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.