sicnot

Perfil

Mundo

Desenvolvida análise matemática sobre a melhor forma de tratar tumores

© Fabian Bimmer / Reuters

Investigadores norte-americanos desenvolveram uma análise matemática para identificar os fatores que determinam a melhor abordagem para tratar um tumor, auxiliando a decisão de remover ou "conter" com tratamento medicamentoso.

"As pessoas morrem quando as suas infeções ou tumores se tornam resistentes a medicamentos", afirma um dos autores do estudo, acrescentando que os investigadores analisaram quando pode ser melhor usar drogas para conter em vez de eliminar o tumor.

Segundo os investigadores das universidades do Michigan e de Penn State, há situações nas quais a contenção através de medicamentos permite manter o doente vivo mais tempo, mas noutros casos significa piorar a situação.

Na investigação, publicada hoje na revista PLOS Biology, os peritos compararam duas estratégias de tratamento com o objetivo de maximizar a quantidade de tempo do doente até ao tratamento falhar devido ao desenvolvimento de resistência aos medicamentos.

Os investigadores concentraram-se em dois fatores principais que influenciam se uma infeção ou tumor vai desenvolver resistência aos medicamentos.

A primeira é a velocidade à qual as células, inicialmente sensíveis ao tratamento, se tornam resistentes.

O segundo fator, denominado como "supressão competitiva", está relacionado com o facto de a propagação da resistência, quando aparece, poder ser retardada com recurso a células sensíveis ao tratamento.

"A prática padrão tem sido tratar os tumores tão agressivamente quanto possível para minimizar o risco de as células se tornarem resistentes", afirmou Andrew Read, um dos autores do estudo.Mas esta análise mostra que, em muitas situações, conter o tumor pode aumentar o período até que o tratamento falhe.

Segundo os investigadores, é importante fazer uma análise em face de cada caso.

Lusa

  • A fuga dos PIDES
    1:16

    Perdidos e Achados

    Ao final do dia 29 de Junho de 1975, 89 agentes da PIDE fugiam da cadeia de Vale de Judeus, em Alcoentre. Mais de 40 anos depois, Perdidos e Achados recupera um dos acontecimentos do Verão Quente em Portugal. Hoje no Jornal da Noite e conteúdos exclusivos no site.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Casa Madonna di Fatima em Roma é um lar de idosos com 9 irmãs portuguesas
    4:29

    Mundo

    A mais antiga igreja dedicada à Senhora de Fátima em Roma tem mais de 50 anos. Foi construída pelas franciscanas hospitaleiras do Imaculado Coração, uma congregação fundada em Portugal. Hoje, as religiosas portuguesas gerem um lar na mesma rua, mas o templo foi entregue a uma congregação italiana.