sicnot

Perfil

Mundo

Seis feridos em Israel após ataque a tiro de palestiniano

Petah Tikva, perto de Telavive, Israel

© Baz Ratner / Reuters

Pelo menos seis pessoas ficaram hoje feridas quando um palestiniano esfaqueou e disparou contra transeuntes num mercado em Petah Tikva, perto de Telavive (centro de Israel), informou a polícia israelita.

A polícia confirmou que o agressor é palestiniano e classificou o incidente como um "ataque terrorista".

Ainda de acordo com as autoridades, o palestiniano, de 19 anos, é proveniente de Nablus, na zona norte do território ocupado da Cisjordânia.

O agressor foi detido sem sofrer ferimentos.

Nenhum dos seis feridos está em risco de vida, disseram as autoridades, realçando, porém que as vítimas tiveram de ser levadas para o hospital.

Uma fonte médica revelou entretanto que um homem foi agredido pela multidão no mercado, aparentemente por ter sido confundido com o agressor palestiniano.

Desde outubro de 2015 que Israel e os territórios ocupados têm sido palco de uma nova onda de violência entre israelitas e palestinianos, que resultou na morte de mais de 250 palestinianos, 41 israelitas, dois norte-americanos, um jordano, um eritreu e um sudanês.

Muitos dos palestinianos mortos neste período perderam a vida no decorrer de protestos, confrontos com as autoridades e em ataques aéreos em Gaza.

No entanto, vários outros foram abatidos enquanto levavam a cabo ataques com facas, armas de fogo ou tentativas de atropelamento, indicaram as autoridades israelitas.

Lusa


  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22