sicnot

Perfil

Mundo

Seis feridos em Israel após ataque a tiro de palestiniano

Petah Tikva, perto de Telavive, Israel

© Baz Ratner / Reuters

Pelo menos seis pessoas ficaram hoje feridas quando um palestiniano esfaqueou e disparou contra transeuntes num mercado em Petah Tikva, perto de Telavive (centro de Israel), informou a polícia israelita.

A polícia confirmou que o agressor é palestiniano e classificou o incidente como um "ataque terrorista".

Ainda de acordo com as autoridades, o palestiniano, de 19 anos, é proveniente de Nablus, na zona norte do território ocupado da Cisjordânia.

O agressor foi detido sem sofrer ferimentos.

Nenhum dos seis feridos está em risco de vida, disseram as autoridades, realçando, porém que as vítimas tiveram de ser levadas para o hospital.

Uma fonte médica revelou entretanto que um homem foi agredido pela multidão no mercado, aparentemente por ter sido confundido com o agressor palestiniano.

Desde outubro de 2015 que Israel e os territórios ocupados têm sido palco de uma nova onda de violência entre israelitas e palestinianos, que resultou na morte de mais de 250 palestinianos, 41 israelitas, dois norte-americanos, um jordano, um eritreu e um sudanês.

Muitos dos palestinianos mortos neste período perderam a vida no decorrer de protestos, confrontos com as autoridades e em ataques aéreos em Gaza.

No entanto, vários outros foram abatidos enquanto levavam a cabo ataques com facas, armas de fogo ou tentativas de atropelamento, indicaram as autoridades israelitas.

Lusa


  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC