sicnot

Perfil

Mundo

Protestos no estado brasileiro do Espírito Santo já fizeram 101 mortos

Protestos no estado brasileiro do Espírito Santo já fizeram 101 mortos

O caos mantém-se no estado brasileiro do Espírito Santo, com a polícia militar a não sair dos quartéis para fazer o patrulhamento da região. Desde o último sábado, mais de 100 pessoas foram assassinadas. Os familiares dos militares impediram a saída dos polícias para as ruas, exigindo aumentos salariais para os agentes. Contudo, o Governo diz que esse aumento não é possível e fala em chantagem.

  • Ocorrências diminuíram mas a população do estado do Espírito Santo continua com medo
    4:52

    Mundo

    A correspondente da SIC no Brasil diz que, apesar da diminuição do número de episódios de violência no estado do Espírito Santo, a população continua com medo da situação que se vive devido à greve da polícia militar. Ivani Flora explica que, com a paralisação, o número de responsáveis pelo patrulhamento passou de 10 para dois mil homens. Até ao próximo sábado está prevista a chegada de mais mil elementos das forças armadas com experência em sistuações de conflito.

  • Militares em greve tentam chegar a acordo com Governo brasileiro
    1:55

    Mundo

    O Governo do estado do Espírito Santo, no Brasil, tem estado esta quinta-feira reunido com os familiares dos militares em greve. Em declarações à SIC Notícias, o vice-presidente da Associação de Cabos Soldados da Polícia Militar do Espírito Santo, Noé da Matta Ribeiro, considera que não vai ser fácil chegar a uma solução e lamenta que o Governo não invista nos militares. Por outro lado, o Governo diz que não é possível aumentar salários e fala em chantagem.

  • Equipa da SIC impedida de entrar na Venezuela

    País

    A SIC tinha uma equipa a caminho da Venezuela para cobrir as eleições da Assembleia Constituinte que decorrem no domingo. No entanto o jornalista Luís Garriapa e o repórter de imagem Odacir Junior foram impedidos de entrar no país. A equipa de reportagem foi barrada à chegada ao aeroporto de Caracas. Num despacho enviado à companhia aérea que os transportou, tanto o jornalista como o repórter de imagem são considerados "inadmissíveis no território da Venezuela".

  • "Fomos considerados inadmissíveis no território da Venezuela"
    4:43

    País

    O jornalista Luís Garriapa entrou em direto no Jornal da Noite, para explicar o que aconteceu esta quinta-feira, no aeroporto de Caracas. A equipa de reportagem de SIC foi impedida de entrar na Venezuela, onde ia cobrir as eleições da Assembleia Constituinte, marcadas para domingo.

  • Marcelo lembra como foi tratada a tragédia durante a ditadura
    2:25
  • Ministra admite falhas no SIRESP no presente e no passado
    2:35

    País

    A ministra da Administração Interna admitiu, esta quinta-feira, que o SIRESP falha no presente tal como já falhou no passado, quando a tutela pertencia ao Governo PSD. Os sociais-democratas quiserem ouvir Constança Urbano de Sousa na comissão parlamentar mas desta vez a ministra defendeu-se com um ataque. 

  • Uma viagem aérea pela aldeia histórica de Monsanto
    0:50
  • Quase três mil toneladas de plástico ameçam tartarugas no Mediterrâneo
    2:35

    Mundo

    O Mar Mediterrâneo está sob a ameaça de se tornar uma lixeira com três mil toneladas de plástico a flutuarem entre a Europa e África. Há milhões de turistas a nadarem nestas águas e há espécies marinhas que já estão em perigo. No Chipre, os cientistas estão a tentar proteger tartarugas, cuja alimentação já é quase totalmente de plástico.