sicnot

Perfil

Mundo

Autoridades dos EUA detiveram mais de 600 imigrantes nos últimos sete dias

© Norsk Telegrambyra AS / Reute

As autoridades federais dos Estados Unidos detiveram a semana passada mais de 600 imigrantes, informou esta segunda-feira o Governo norte-americano, sublinhando que as operações estiveram concentradas em pessoas suspeitas de "ameaça à segurança pública".

O secretário da Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Kelly, referiu, em comunicado, que "aproximadamente 75%" dos mais de 600 detidos eram "imigrantes delinquentes".

Aqueles "criminosos" estavam "condenados por vários delitos, entre os quais homicídio, abuso sexual, assalto sexual a um menor, atos lascivos ou indecentes a menor, narcotráfico, agressão física, assalto, abuso de álcool e acusações relacionadas com armas", afirmou John Kelly.

"Estas operações dirigiram-se a ameaças à segurança pública, como imigrantes delinquentes condenados e membros de grupos criminosos", sublinhou.

Os 680 detidos pelo Serviço de Imigração e Aduaneiro "representavam uma ameaça à segurança pública, à segurança fronteiriça ou à integridade do sistema migratório dos Estados Unidos", insistiu o chefe do Departamento de Segurança Nacional.

Segundo os números divulgados pelas autoridades, 235 dos detidos estavam nos estados do Ilinóis, Indiana, Wisconsin, Kentucky, Kansas e Missouri.

Outros 190 foram detidos na Georgia, Carolina do Norte ou Carolina do Sul, 161 em Los Angeles, 41 em Nova Iorque e 28 no Texas.

Lusa

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00

    País

    O episódio de hoje de Vidas Suspensas envolve uma médica dentista norte-americana e um empresário português. Um exemplo do que acontece a muitos portugueses que casam com estrangeiros: quando se divorciam, coloca-se a questão de saber para que país vão os filhos.

    Hoje na SIC

  • "Não era o jogo ideal para estreia do videoárbitro"
    4:50
  • Tubarão com 2,7 metros salta para dentro de barco e ataca pescador

    Mundo

    Um australiano foi atacado por um tubarão branco quando estava a pescar na sua embarcação, em Evan Heads, Nova Gales do Sul, na costa Este da Austrália. O animal, com cerca de 200 quilos e 2,7 metros de comprimento, saltou para dentro do barco, derrubou o pescador e mordeu-lhe no braço.

    SIC

  • Uma em cada dez crianças já foi vítima de cyberbullying
    10:41
  • "Sou Presidente de uma pátria com os melhores bombeiros do mundo"
    1:20

    País

    O Presidente da Liga dos Bombeiros, Jaime Marta Soares, avisou este domingo o Governo de que os bombeiros admitem usar o machado da paz para fazer a guerra. Marcelo Rebelo de Sousa destacou o orgulho que sente em ser "Presidente de uma pátria que tem os melhores bombeiros do mundo".