sicnot

Perfil

Mundo

Merkel e Hollande restringem comícios turcos ao "estrito cumprimento da lei"

A chanceler alemã Angela Merkel e o Presidente francês, François Hollande, consideraram que os comícios de políticos turcos nos seus dois países apenas poderão ser autorizados caso cumpram "de forma estrita" as leis em vigor, informou o executivo germânico.

Em comunicado, o Governo alemão informou que Merkel e Hollande abordaram numa conversa telefónica as atuais "tensões" entre Ancara e diversos países da União Europeia (UE). Os dois chefes de Governo também consideraram "inaceitáveis" as comparações com o nazismo e outras declarações "ofensivas das autoridades de Ancara".


Hollande transmitiu, aliás, a sua solidariedade à Alemanha e outros países que têm sido alvo de ataque do Governo turco, com destaque para a Holanda.


As posições de Merkel e Hollande surgem quando está a aumentar a tensão com as autoridades turcas e se aproxima o referendo agendado para 16 de abril para impor um regime presidencialista na Turquia.

Lusa

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.