sicnot

Perfil

Mundo

Francês abatido no aeroporto de Orly afirmou-se pronto a "matar e morrer por Alá"

Kamil Zihnioglu

O francês de 39 anos abatido este sábado pelas forças de segurança no aeroporto parisiense de Orly-Sud, após atacar uma patrulha militar, afirmou-se prestes a matar e a "morrer por Alá", declarou o procurador da República de Paris, François Molin.

Ziyed Bem Belgacem, já condenado por vários casos de violência, atacou a patrulha afirmando: "Pousem as vossas armas, eu estou aqui para morrer por Alá. De qualquer forma, vai haver mortos", relatou o procurador, numa conferência de imprensa.

O homem apontou a arma à cabeça da militar e usou-a para se proteger, tendo conseguido retirar-lhe a espingarda.

O procurador afirmou que o homem aparentemente pretenderia abater pessoas no movimento aeroporto parisiense.

Além do pai e de um irmão do atacante, também um primo seu foi detido.

O homem que acabou abatido já estava referenciado pela polícia e pelos serviços de informação franceses. Uma hora antes do caso no aeroporto feriu a tiro um agente numa operação policial a norte da capital.

Lusa

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.