sicnot

Perfil

Mundo

Presidente da Turquia espera que parlamento aprove pena de morte

Kayhan Ozer

O presidente da Turquia Recep Tayyip Erdogan defendeu este sábado a aprovação pelo parlamento turco do restabelecimento da pena de morte no país após o referendo de 16 de abril sobre a reforma constitucional.

"As famílias dos mártires e dos heróis não se devem preocupar. Acho que o parlamento fará o necessário para aprovar a pena de morte depois de 16 de abril", disse o presidente da Turquia.

Se tal acontecer, Recep Tayyip Erdogan adiantou que aprovará o texto "sem hesitar".

Os turcos foram convocados para votar em 16 de abril uma reforma constitucional que instaura um sistema presidencial e reforça consideravelmente os poderes do Presidente Erdogan. Segundo as autoridades, esta reforma destina-se a assegurar a estabilidade do Estado, mas a oposição denuncia uma deriva autoritária.

Lusa

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.