sicnot

Perfil

Mundo

Milícias al-Shabab mataram 70 pessoas em base militar na Somália

Galkayo, cidade dividida entre as regiões semi-autónomas Puntlândia e Galmudug

Feisal Omar / Reuters

Homens fortemente armados da milícia extremista Al-Shabab atacaram uma base militar no estado semiautónomo da Puntlândia, na Somália, e mataram perto de 70 pessoas, anunciaram responsáveis.

O ataque, considerado o mais sangrento dos últimos anos, começou com uma explosão na base, em Af-Urur, seguida da entrada dos milicianos, que dispararam à queima-roupa contra os militares, explicou um responsável da base, Ahmed Mohamed.

Residentes da zona relataram cenas de caos, com os milicianos a degolarem vários civis com que se cruzaram.

Os extremistas, entre os quais havia bombistas suicidas, atacaram a partir de três pontos diferentes, segundo Mohamed.

O coronel Hashi Ahmed disse por seu lado que reforços militares foram enviados para a base, conseguindo expulsar os milicianos.

Segundo Hashi Ahmed, os atacantes eram cerca de 100.

Lusa

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.