sicnot

Perfil

Mundo

Virgin entrega petição com um milhão de assinaturas pelos oceanos

© Lucy Nicholson / Reuters

O patrão da multinacional Virgin apresentou esta sexta-feira às Nações Unidas uma petição assinada por mais de um milhão de pessoas que exigem aos governos que consigam a proteção de 30% dos oceanos até 2030.

Aos jornalistas, Richard Branson afirmou que se pretende a criação de reservas marinhas para reconstituir os bancos de peixe e destacou os efeitos das alterações climáticas na grande barreira de coral da Austrália.

Com um total de 1.021.874 assinaturas, a petição foi apresentada ao presidente da Assembleia-Geral da ONU, Peter Thomson, no último dia da conferência sobre os oceanos promovida pela organização.

Conseguir um mundo sem emissões carbónicas em 2050 também faz sentido "de um ponto de vista económico", frisou, criticando o que chamou ingenuidade do Presidente norte-americano, Donald Trump, por ter retirado os Estados Unidos do acordo de Paris sobre alterações climáticas.

"A energia limpa é um melhor mercado do que a energia suja e toda a gente pode beneficiar", indicou.

Lusa