sicnot

Perfil

Mundo

Cinco mortos em sismo na Guatemala

Moises Castillo

As equipas de emergência elevaram para cinco o número de mortos na Guatemala devido a um sismo de magnitude 6,6 que atingiu várias zonas do país na quarta-feira e causou também danos materiais.

O porta-voz dos Bombeiros Voluntários, Julio Sánchez, disse aos jornalistas que três novas vítimas mortais foram confirmadas, elevando o total para cinco -- quatro mulheres e um homem.

Duas pessoas morreram no departamento de Retalhuleu, um homem atingido por parte da fachada de uma igreja que caiu e uma mulher que sofreu um ataque cardíaco como consequência do sismo.

No departamento de San Marcos morreram outras duas mulheres, uma por fraturas causadas pela queda de objetos, e outra por paragem cardíaca, a mesma causa que matou a quinta vítima, em Quetzaltenango.

Os números são fruto de uma avaliação preliminar que se vai prolongar. Até agora foram contabilizados 609 afetados, 11 deslocados, sete feridos, 71 casas danificadas e 50 desmoronamentos.

O sismo de 6,6 registou-se às 01:19 de quarta-feira (08:29 do mesmo dia em Lisboa), com epicentro a 156,3 quilómetros a oeste-nordeste da Cidade da Guatemala, no departamento de San Marcos, fronteiriço com a região mexicana de Chiapas, embora tenha sido fortemente sentido na capital guatemalteca.Desde então registaram-se pelo menos dez réplicas, com magnitudes entre 3,8 e 5,1.

Lusa

  • Abdeslam conhece hoje a sentença de um processo paralelo ao atentado de Paris
    1:14
  • Cão parcialmente cego e surdo salva criança na Austrália
    0:46
  • A festa de aniversário de Isabel II
    1:04