sicnot

Perfil

Mundo

Justiça francesa investiga evento em viagem de Macron a Las Vegas

A Procuradoria de Paris anunciou esta sexta-feira que vai investigar suspeitas de favorecimento na organização de um evento durante uma visita do presidente Emmanuel Macron a Las Vegas, Estados Unidos, em 2016, quando era ministro da Economia.

"Com base nos primeiros elementos do inquérito preliminar", aberto a 13 de março, a Procuradoria de Paris decidiu "abrir uma informação judiciária contra desconhecidos por favoritismo", segundo um comunicado.

Em causa está um evento organizado a 6 de janeiro de 2016 em Las Vegas, quando decorria o Consumer Electronics Show (CES), a maior feira de inovação tecnológica, no qual Macron se reuniu com dirigentes de startups (empresas emergentes) francesas.

A Business France, a agência pública dirigida na altura pela atual ministra do Trabalho, Muriel Pénicaud, é suspeita de ter infringido a regulamentação sobre mercados públicos ao não lançar um concurso público para a organização do evento, entregue à empresa de comunicação Havas em dezembro de 2015.

"As condições concorrenciais não foram garantidas entre os três prestadores contactados", Havas, Apco e Publicis, concluiu em julho de 2016 uma auditoria do gabinete legal E&Y.

Divulgada pelo diário Libération, a auditoria revelou que não existiu "nenhuma requisição, orçamento, contrato ou fatura", uma situação suscetível de envolver "responsabilidade penal dos envolvidos".

Muriel Pénicaud é suspeita de ter sido informada previamente daquelas irregularidades e de ter retardado a comunicação ao conselho de administração do relatório da auditoria, assim como de, ao fazê-lo, ter apresentado um resumo truncado do mesmo.

Neste quadro, é possível que a ministra venha a ser formalmente acusada com base em "indícios graves e concordantes".

O inquérito visa também apurar que papel desempenharam no caso alguns membros do gabinete de Macron no Ministério da Economia.

Lusa

  • Inglaterra estreia-se com vitória suada frente à Tunísia

    Mundial 2018 / Tunísia

    A seleção inglesa estreou-se no Mundial 2018 com um triunfo sobre a Tunísia por 2-1, com o golo da vitória a ser apontado já para lá do minuto 90. O jogo foi referente à 1.ª jornada do grupo G. Veja aqui os golos e os lances que marcaram o encontro.

  • O melhor golo do 5.º dia de Mundial

    Desporto

    Numa escolha feita pelos jornalistas de desporto e do site da SIC Notícias, mostramos-lhe o melhor golo deste quinto dia de Mundial. Foi apontado por Dries Mertens, na vitória da Bélgica sobre o Panamá por 3-0.

  • Salto de Cristiano Ronaldo inspira dança afro-beat

    Desporto

    Uma música humorística afro-beat, publicada nas redes sociais e inspirada nos saltos de Cristiano Ronaldo quando marca golos, está a ser replicada na internet com dezenas de coreografias filmadas, muitas das quais em França.

  • Ronaldo no País dos Sovietes: As religiões praticadas na Rússia
    1:55
  • "Estamos a plantar fósforos"
    2:09

    Opinião

    O calor regressou esta segunda-feira em força e no terreno estiveram quase 1300 bombeiros a combater 70 fogos por todo o país. Depois da tragédia de Pedrógão Grande, o Presidente da República diz que a consciência do país mudou mas é preciso fazer mais. Já Miguel Sousa Tavares diz que o país está mais preparado para combater os incêndios do que alguma vez esteve. No entanto, o comentador da SIC diz que já foram plantados mais de "2500 hectares de eucaliptos" desde Pedrógão e que enquanto isso acontecer Portugal vai continuar a arder. 

    Miguel Sousa Tavares

  • Pai de Meghan Markle lamenta ser "nota de rodapé" no casamento real
    2:03
  • Quando as crianças fazem das suas... os pais é que pagam

    Mundo

    Quando as crianças fazem das suas, restam os pais para as castigar ou, em alguns casos, para sofrer as consequências desses atos. Quem o pode dizer é um casal norte-americano, que recebeu uma fatura de 132 mil dólares (cerca de 114 mil euros), depois de o filho ter derrubado uma estátua num centro comunitário.

    SIC