sicnot

Perfil

Mundo

Ministro alemão compara autores dos distúrbios no G20 a "neonazis"

POOL New

O ministro do Interior alemão condenou esta segunda-feira a "brutalidade incrível" dos distúrbios à margem da Cimeira do G20 em Hamburgo e comparou os autores dos tumultos a "neonazis" e a "terroristas".

"Não eram manifestantes", disse Thomas de Maizière, da União Democrata-Cristã (CDU), numa conferência de imprensa em Berlim. "Eram extremistas violentos, do mesmo tipo que os neonazis ou os terroristas islamitas", acrescentou.

A Cimeira do G20, que na sexta-feira e no sábado reuniu em Hamburgo os dirigentes do grupo de 20 países emergentes e industrializados, ficou marcada por distúrbios e atos de violência a um nível não esperado pelas autoridades.

Nas ruas de Hamburgo, entre quinta e sexta-feira, quase 500 dos 20.000 polícias destacados sofreram ferimentos ligeiros em confrontos com manifestantes.

A polícia deteve 186 pessoas, mas não foram divulgados números de manifestantes feridos.

O ministro condenou o que designou como "turistas da violência", afirmando que "centenas de pessoas" foram de outros países europeus para a Alemanha com o objetivo de participar nos distúrbios.

Lusa

  • Governo prepara projeto para suavizar transição para a reforma
    1:38

    Economia

    O Governo quer suavizar a transição do trabalho para a reforma. A ideia é que essa passagem seja feita gradualmente e não de um dia para o outro, o que pode ser mais traumático. O projeto prevê a possilidade de o trabalhador cumprir meio horário e acumular com meia pensão.

  • Portugal pode perder parte dos fundos comunitários
    2:21

    Economia

    Portugal arrisca-se a perder parte dos fundos comunitários atribuídos ao país, se não acelerar a execução dos programas que têm comparticipação de Bruxelas. A notícia é avançada pelo jornal Público, que revela que o país ainda está longe de cumprir as metas mínimas. O Executivo desdramatiza e acredita que serão cumpridas até ao final do ano. O Governo diz mesmo que Portugal deverá ser um dos países com melhores taxas de execução.

  • Proteína tóxica que se acumula no cérebro pode ser uma das causas do Alzheimer
    2:33

    País

    Uma proteína tóxica que se acumula no cérebro pode ser uma das causadoras do Alzheimer. A revelação, feita pelo prémio Nobel da Medicina de 2014, será discutida no terceiro dia da cimeira mundial sobre doenças neurodegenerativas na Fundação Champalimaud, em Lisboa. A partir de hoje, serão apresentadas novidade nas investigações científicas sobre a epidemia silenciosa, que atinge 50 milhões de pessoas em todo o mundo.

  • Primeiro discurso de Costa na ONU alinhado com o de Guterres

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, proferirá hoje o seu primeiro discurso na Assembleia Geral das Nações Unidas, devendo estar muito alinhado com a agenda política apresentada na terça-feira pelo secretário-geral da ONU, António Guterres, valorizando o multilateralismo.