sicnot

Perfil

Mundo

Atacantes de Jerusalém atingiram uma das zonas "mais sagradas do planeta"

Correspondente SIC

Atacantes de Jerusalém atingiram uma das zonas "mais sagradas do planeta"

A Esplanada das Mesquitas em Jerusalém foi esta sexta-feira encerrada depois de um ataque em que morreram cinco pessoas. É o ataque mais grave dos últimos anos. Os presidentes israelita e palestiniano já fizeram apelos à calma. O correspondente da SIC no Médio Oriente, Henrique Cymerman, traz-nos agora mais informações sobre os atacantes.

  • Benjamin Netanyahu e Mahmoud Abbas condenam ataque em Jerusalém
    1:31

    Mundo

    A Esplanada das Mesquitas, em Jerusalém, foi esta sexta-feira encerrada e impedido o acesso às orações dos muçulmanos, depois de um ataque em que morreram cinco pessoas. As forças de segurança israelitas abateram os três árabes de Israel que mataram dois polícias. Os presidentes Benjamin Netanyahu e Mahmoud Abbas condenaram o atentado e apelaram à calma.

  • Três mortos e três feridos em Jerusalém

    Mundo

    As forças israelitas abateram hoje três atacantes, que dispararam sobre polícias israelitas na cidade velha de Jerusalém. Três dos polícias ficaram feridos e os três atacantes acabaram por ser encurralados na Esplanada das Mesquitas e atingidos mortalmente a tiro, no local sagrado para três das maiores religiões do mundo: judaísmo, islamismo e cristianismo.

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.