sicnot

Perfil

Mundo

Halimah Yacob torna-se na primeira mulher a assumir presidência em Singapura

Edgar Su

Halimah Yacob tornou-se hoje na primeira mulher a assumir a presidência em Singapura, após ter sido a única candidata a cumprir todos os requisitos previstos para as eleições para a chefia da Cidade-Estado.


Yacob, de 63 anos e etnia malaia, vai prestar juramento na quinta-feira, numa cerimónia no palácio presidencial de Istana, informou o gabinete do primeiro-ministro da Cidade-Estado, Lee Hsien Loong, em comunicado.


"Precisamos de todos unidos (...). Não temos alcançado o nosso máximo potencial [como Cidade-Estado] . O melhor está por chegar", declarou a nova Presidente de Singapura, depois de tornada oficial a sua nomeação.


Yacob, acompanhada pelo marido e centenas de seguidores, pediu "unidade" num discurso que proferiu em inglês e em malaio.


O parlamento de Singapura aprovou, no ano passado, uma reforma da Constituição ao abrigo da qual as eleições presidenciais ficariam reservadas a uma das etnias da multicultural Cidade-Estado se nenhum candidato desse grupo tivesse ocupado esse cargo nos últimos 30 anos.
"Eu sou a Presidente de todos", afirmou Yacob, cujo cargo tem um caráter mais representativo do que executivo.


Halimah Yacob nasceu em 1954 em Singapura, filha de um muçulmano de origem indiana e de uma malaia.


Casada e mãe de cinco filhos, a antiga advogada iniciou-se na política com o Partido de Ação Popular (PAP), que governa o país desde 1959, e entrou no Parlamento em 2001.


Dez anos depois chegou a ministra do Desporto, Juventude e Desenvolvimento Comunitário. Em 2013, assumiu a presidência do Parlamento, tendo sido também a primeira mulher a conquistar esse feito.


Em agosto, renunciou a esse cargo e abandonou o PAP para poder concorrer às eleições presidenciais.

Lusa

  • Confirmados dois novos casos de legionella

    Legionella

    Dois novos casos de legionella foram esta quarta-feira confirmados. A informação foi avançada em comunicado pela Direção-Geral da Saúde. Tratam-se de duas pessoas com mais de 80 anos, internadas no Hospital São Francisco Xavier e no Egas Moniz, ambas em situação clínica estável.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50

    País

    A água é um recurso essencial para todos os organismos vivos, comunidades e atividades económicas. Num país com situações de secas recorrentes, que tendem a ser agravadas pelas alterações climáticas, o que aprendemos com anteriores episódios de escassez de água? Como usar a água para que não falte no futuro? "Água Sob Pressão" foi o tema desta Grande Reportagem, de Carla Castelo (jornalista), Manuel Ferreira (Imagem), Gonçalo Freitas (Edição de imagem), Paulo Alves (Grafismo) e Isabel Mendonça (Produção), exibida na SIC em julho de 2012 (que também foi um ano de seca, ainda que menos grave do que a atual).

  • Jorge Jesus e Ana Malhoa contra o consumo de sal
    1:21
  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.

  • Quem é o novo Presidente do Zimbabué?
    2:15