sicnot

Perfil

Mundo

Halimah Yacob torna-se na primeira mulher a assumir presidência em Singapura

Edgar Su

Halimah Yacob tornou-se hoje na primeira mulher a assumir a presidência em Singapura, após ter sido a única candidata a cumprir todos os requisitos previstos para as eleições para a chefia da Cidade-Estado.


Yacob, de 63 anos e etnia malaia, vai prestar juramento na quinta-feira, numa cerimónia no palácio presidencial de Istana, informou o gabinete do primeiro-ministro da Cidade-Estado, Lee Hsien Loong, em comunicado.


"Precisamos de todos unidos (...). Não temos alcançado o nosso máximo potencial [como Cidade-Estado] . O melhor está por chegar", declarou a nova Presidente de Singapura, depois de tornada oficial a sua nomeação.


Yacob, acompanhada pelo marido e centenas de seguidores, pediu "unidade" num discurso que proferiu em inglês e em malaio.


O parlamento de Singapura aprovou, no ano passado, uma reforma da Constituição ao abrigo da qual as eleições presidenciais ficariam reservadas a uma das etnias da multicultural Cidade-Estado se nenhum candidato desse grupo tivesse ocupado esse cargo nos últimos 30 anos.
"Eu sou a Presidente de todos", afirmou Yacob, cujo cargo tem um caráter mais representativo do que executivo.


Halimah Yacob nasceu em 1954 em Singapura, filha de um muçulmano de origem indiana e de uma malaia.


Casada e mãe de cinco filhos, a antiga advogada iniciou-se na política com o Partido de Ação Popular (PAP), que governa o país desde 1959, e entrou no Parlamento em 2001.


Dez anos depois chegou a ministra do Desporto, Juventude e Desenvolvimento Comunitário. Em 2013, assumiu a presidência do Parlamento, tendo sido também a primeira mulher a conquistar esse feito.


Em agosto, renunciou a esse cargo e abandonou o PAP para poder concorrer às eleições presidenciais.

Lusa

  • Passos nega que resultado das autárquicas ponham em causa liderança do PSD
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Marcelo garante que relações com Angola "estão vivas"
    1:50

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou esta segunda-feira as boas relações entre Portugal e Angola. À chegada a Luanda para a posse do novo Presidente angolano João Lourenço, o chefe de Estado português aproveitou para tomar um banho de mar.

  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.