Mundo

Trump diz que estão a ser reveladas "mentiras e corrupção" do FBI

Donald Trump, Presidente dos Estados Unidos

Joshua Roberts

O Presidente dos EUA, Donald Trump, considerou este sábado que estão a ser reveladas "as tremendas fugas, mentiras e corrupção ao mais alto nível" do FBI e dos Departamentos de Estado e da Justiça.

O 'tweet' que divulgou hoje não forneceu mais detalhes, no entanto estes comentários surgem um dia após a demissão pelo procurador-geral Jeff Sessions do diretor-adjunto do FBI, Andrew McCabe, na sequência de uma recomendação dos assuntos internos da polícia federal norte-americana.

Há muito que McCabe era alvo da fúria de Trump, assinala a agência noticiosa Associated Press (AP). A sua demissão precede a divulgação de um relatório da um inspetor-geral onde se espera concluir que McCabe não foi solícito em assuntos relacionados com a investigação do FBI sobre os 'emails' de Hillary Clinton.

No 'tweet' que hoje divulgou, Trump também repetiu que não existiu qualquer conluio entre a sua campanha presidencial de 2016 e a Rússia. O assunto está sob investigação e entregue ao procurador especial Robert Mueller.

Andrew McCabe foi demitido a pouco mais de um dia de se reformar, uma decisão que lhe retira parte da sua pensão.

Ao justificar a decisão, Jeff Sessions também esclareceu que uma investigação interna do FBI e do Departamento de Justiça concluiu que McCabe deu informações, de forma não autorizada, a meios de comunicação social e não foi franco, mesmo sob juramento, em múltiplas ocasiões.

Concretamente, o número dois teria permitido a divulgação de informação relativa a uma investigação sobre doações recebidas pela Fundação Clinton, de que fazia parte a democrata Hillary Clinton, que disputou as presidenciais de novembro de 2016 com o republicano Donald Trump, que saiu vencedor.

Ainda de acordo com a AP, Andrew McCabe detinha em sua posse notas relacionadas com Trump e similares às que foram recolhidas pelo ex-chefe do FBI James Comey, despedido em maio de 2017, e onde se detalhavam diversas comunicações entre ambos.

A AP precisou não ser claro se algumas das notas de McCabe foram entregues a Robert Mueller, ou requeridas pelo procurador especial, que para além das alegadas conexões com a Rússia durante as presidenciais também investiga uma possível obstrução à justiça.

Lusa

  • "O Mal Entendido: as doenças a que chamamos cancro" - capítulo 4: Os maratonistas
    33:52
  • O verdadeiro alarme e ameaça à segurança interna está no roubo das pistolas
    0:50

    Assalto em Tancos

    O general Leonel de Carvalho associa o roubo em Tancos ao desaparecimento de 57 armas da PSP de Lisboa, em fevereiro do ano passado. O antigo secretário geral do Gabinete coordenador de Segurança considera ainda que o verdadeiro alarme e ameaça à segurança interna está no roubo dessas pistolas e não no alegado desaparecimento de algumas granadas e outro material explosivo de pouca capacidade.

  • "Aquilo parecia um filme de terror"
    1:40

    Crise no Sporting

    Jorge Jesus abordou os incidentes de Alcochete pela primeira vez. Em entrevista à Bola TV, o treinador português, agora no Al Hilal da Arábia Saudita, falou do medo que viveu naqueles momentos. Jorge Jesus disse também que não fecha a porta a nenhum clube em Portugal.

  • Benfica promete queixa-crime contra quem divulgou contratos de Castillo e Ferreyra
    1:26

    Desporto

    Um blog divulgou na internet os valores dos contratos de dois dos reforços do Benfica, Castillo e Ferreyra. O clube da Luz promete agir judicialmente contra quem divulgou estas informações. A SIC sabe que devido à gravidade dos factos a Liga de Clubes está a considerar suspender os funcionários da instituição até que este caso seja esclarecido.

  • Santana diz que a concorrência é livre
    0:52
  • Donald Trump envolvido em mais uma polémica
    1:49
  • 20 quilómetros até ao trabalho valeu um carro

    Mundo

    Quando o carro de Walter Carr deixou de funcionar um dia antes do primeiro dia de trabalho numa empresa de mudanças, ele não desistiu nem ligou a dizer que ia faltar. Saiu de casa à meia-noite e fez mais de 20 quilómetros a pé para chegar a horas. No final recebeu uma recompensa.

    SIC