sicnot

Perfil

Opinião

Derrota da extrema-direita na Holanda em análise

Derrota da extrema-direita na Holanda em análise

Lívia Franco e Daniel Pinéu, especialistas em assuntos internacionais, estiveram na Edição da noite desta quarta-feira para falar sobre as eleições na Holanda, em que a extrema-direita foi uma das principais derrotadas.

  • Primeiro-ministro holandês terá que formar coligação
    1:39

    Mundo

    O atual primeiro-ministro da Holanda derrotou o candidato da extrema-direita, que chegou a liderar as sondagens. O partido de Mark Rutte deverá conseguir 31 dos 150 deputados e terá que formar uma coligação. 13 milhões de eleitores foram esta quarta-feira chamados às urnas. Com todos os votos a serem contados à mão, só no dia 21 haverá resultados definitivos.

  • O "populismo errado" foi travado

    Mundo

    O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, afirmou que a sua vitória nas eleições legislativas trava "o populismo errado" do candidato de extrema-direita, Geert Wilders.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.